Monumento gigante de 5000 anos descoberto em Israel

Um monumento de pedra em forma de meia-lua, que remonta a cerca de 5.000 anos, foi identificado em Israel.

Localizado a cerca de 13 quilômetros a noroeste do Mar da Galileia, a estrutura é enorme – o seu volume é de cerca de 14 mil metros cúbicos e tem um comprimento de cerca de 150 metros, tornando-se maior do que um campo de futebol americano. Cerâmica escavada na estrutura indica as datas de construção do monumento entre 3.050 aC e 2.650 aC, o que significa que é provável que seja mais antigo que as pirâmides do Egito. Também foi construído muito antes de Stonehenge.

Os arqueólogos pensavam anteriormente que a estrutura era parte de um muro da cidade, mas o trabalho recente realizado por Ido Wachtel, um estudante de doutorado na Universidade Hebraica de Jerusalém, indica que não há cidade ao lado dele e que a estrutura é um monumento único.

“A interpretação proposta para o sítio é que ele constituiu um marco importante na sua paisagem natural, servindo para marcar a posse e afirmar sua autoridade e os direitos sobre os recursos naturais por uma população rural ou pastoral local,” escreveu Wachtel no resumo de uma apresentação feita recentemente no Congresso Internacional de Arqueologia.

A forma crescente da estrutura se destacava na paisagem, Wachtel disse ao Live Science em um email. A forma pode ter tido uma importância simbólica, já que o crescente lunar é um símbolo de um antigo deus mesopotâmico da lua chamado Sin, disse Wachtel.

Uma cidade antiga chamada Bet Yerah (que significa “casa do deus da lua”) está localizada a apenas um dia de caminhada do monumento recém-descoberto. Como tal, o monumento pode ter ajudado a marcar as fronteiras da cidade.

Enorme-monumento-de-5.000-anos-é-descoberto-em-IsraelEstrutura maciça

A estrutura tem cerca de 150 metros de comprimento e 20 m de largura em sua base, e foi preservada em uma altura de até 7 m, a pesquisa de Wachtel descobriu.

“A estimativa de dias de trabalho investida na construção do sítio é 35.000 e 50.000 dias”, disse Wachtel no e-mail.

Se a estimativa mais baixa estiver correta, significa que uma equipe de 200 trabalhadores antigos teria precisado de mais de cinco meses para a construção do monumento, uma tarefa que seria difícil para as pessoas que dependiam de culturas para sua subsistência.

Fonte: LiveScience via ocientista.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s