O bezerro de ouro de nossos dias

ZERR

O BEZERRO DE OURO

– o ‘falso deus’ criado da vaidade humana –

“Quando o povo viu que Moisés tardava em descer da montanha, congregou-se em torno de Aarão e lhe disse: “Vamos, faz-nos um deus que vá à nossa frente, porque a esse Moisés, a esse homem que nos fez subir da terra do Egito, não sabemos o que lhe aconteceu”. Aarão respondeu-lhes. “Tirai os brincos de ouro das orelhas de vossas mulheres, de vossos filhos e filhas e trazei-mos. Então todo o povo tirou das orelhas os brincos e os trouxeram a Aarão. Este recebeu o ouro das suas mãos, o fez fundir em um molde e fabricou com ele uma estátua de bezerro. Então exclamaram: “Este é o teu Deus, ó Israel, o que te fez subir da terra do Egito.” Quando Aarão viu isso, edificou um altar diante da estátua e fez uma proclamação: “Amanhã será festa para Iahweh”.  No dia seguinte, levantaram-se cedo, ofereceram holocaustos e trouxeram sacrifícios de comunhão. O povo assentou-se para comer e para beber, depois se levantou para se divertir.  EXODO 32:1-6

O texto apresentado acima nos conta a história ocorrida quando Moisés, pela sexta vez, sobe ao Monte para receber do Senhor as tábuas da Lei. Em um episódio anterior, Moisés junto com outros Anciãos, inclusive Aarão, havia subido ao Monte, e a Bíblia relata que eles viram a Deus (não viram em sua plenitude, lógico, pois nenhum homem jamais viu a Deus, mas viram a presença de Deus manifestada em poder e glória, leia em Êxodo 24). Não viram como Moisés vira, face a face, contudo tiveram sua experiência vendo o poder de Deus manifesto.

 ZER1O problema maior que vemos lendo este episódio é que Aarão, mesmo conhecendo ao Deus que lhe tirara do Egito, rapidamente cedeu aos apelos do povo para lhes fazer a imagem do Deus que havia lhes libertado. O povo que viveu tanto tempo no Egito, acostumado a ver objetos de culto em todos os lugares, queria ver um deus materializado a qual pudessem adorar. E Aarão, mesmo sabendo que YHWH não pode ser “reproduzido” (ele vira sua glória no Monte), trabalhou no ouro a forma de um deus que estava acostumado a ver entre os povos: um bezerro. Certamente ele tinha visto aquela figura repetida em muitas divindades pagãs, como o deus egípcio Ápis.

A descrição não deixa margem para dúvidas de que a ideia do Bezerro de Ouro foi de Aarão. Foi ele que construiu, pois o texto mostra que ele trabalhou o ouro com um buril. Mas quando Moisés volta do Monte e o questiona a respeito daquele deus ele mente! Ele diz: “Quem tem ouro, arranque-o; e deram-mo, e lancei-o no fogo, e saiu este bezerro.” (Êxodo 32:24) Mas que mentira! Ele havia moldado o bezerro!! Quando ele foi apertado pelo povo a construir um deus, ele somente exteriorizou o que estava nele: o bezerro saiu de dentro dele, das suas imaginações! Que grande perigo, que lição a se aprender! O maior trabalho de Deus não é tirar o homem do Egito, mas sim tirar o Egito de dentro dos homens!

Outro ponto interessante que vejo nessa passagem é que Aarão pediu ao povo que lhes trouxesse os pendentes de ouro que usavam nas orelhas para fazerem  um deus deles, e eles prontamente levaram. O que nos leva a pensar que o falso deus foi construído não somente a pedido do povo, mas com os pendentes que estavam em suas orelhas. Interessante… um símbolo de embelezamento, de ego; um deus que fosse para eles algo que poderiam ver e que lhes falaria o que quisessem ouvir, que satisfizesse o seu ego! Uma idolatria a si próprios, um deus que servisse ao seu bel-prazer.

ZER2Por que chegamos a essa conclusão? Analise conosco esse fato: Moisés é, no Velho Testamento, um dos ‘tipos’ de Jesus, correto? E ele havia subido ao Monte da presença de Deus e permanecia lá há tantos dias que povo achou que tivesse morrido, que não fosse mais voltar! Então eles precisavam de um outro líder, e de um outro Deus a seguir, já que o líder havia desaparecido e também o Deus que os tirara do Egito havia silenciado; “Mas vendo o povo que Moisés tardava em descer do monte…” (Êxodo 32:1) Viram? O povo achou que Moisés tardava em descer do monte, da mesma maneira como hoje muitos cristãos acham que Jesus tarda em voltar. Crêem Nele, sabem que foi aos Céus, mas acham que a vida aqui vai continuar por séculos da mesma maneira, não discernem os sinais da sua vinda. E correm até seus líderes em busca de um deus que satisfaça suas necessidades de materializar a sua fé, achando que assim conhecerão ao Deus que os tirou do Egito. Infelizmente seus corações estão cheios dos falsos deuses do presente século: vaidade, mundanismo, avareza, prosperidade, etc… E os líderes por sua vez, mesmo tendo tido uma experiência com o Deus verdadeiro um dia, cedem aos apelos do povo e criam, através das teologias cheias de desvios heréticos, novos deuses segundo as suas imaginações, que satisfaçam os olhos, os ouvidos dos seguidores. E são verdadeiras as afirmações bíblicas que dizem que “Porque os tais não servem a nosso Senhor Jesus Cristo, mas ao seu ventre; e com suaves palavras e lisonja enganam os corações dos simples. (Romanos 16:18) e ainda Cujo fim é a perdição; cujo Deus é o ventre, e cuja glória é para confusão deles, que só pensam nas coisas terrenas. (Filipenses 3:19)
Esse Bezerro de Ouro é ou não é uma ilustração muito atual do ‘falso evangelho’ que temos visto ser pregado por ai?

É interessante que em Êxodo 33:5 o Senhor manda que eles lancem fora todos os enfeites para que Ele pudesse ir adiante deles. Assim vemos que a origem do ídolo é o ego representado pelo embelezamento  e vaidade dos brincos e argolas. Em todo lugar onde a obra é feita a partir da vaidade humana teremos um bezerro de ouro. E é por isso que hoje existem tantas igrejas, ministérios cheias de ideias e vaidades humanas, levam o nome de Deus, celebram o Deus do Concerto IHWH, mas na verdade adoram ao ídolo.

Onde esses falsos deuses estão entronizados, o Senhor não pode estar!

ZER3Foi por isso que Moisés quebra (vendo aquela idolatria descabida) em seu furor, as tábuas que Deus lhe dera. Não se pode viver sob a Lei do Senhor, e ser servo exclusivo Dele se ainda temos ídolos em nossos corações.

Naquele evento houve uma separação, uma exigência para qua presença de Deus continuasse com eles. E aqueles que não se achegaram Moisés sofreram o juízo da morte! E muitos morreram naquele dia.

Viver uma vida religiosa, ritualística até, não implica Salvação no Eterno Deus.

Olhe hoje ainda dentro de si e peça a Deus que te mostre através da ação do Espírito Santo se existe algum Bezerro de Ouro entronizado em seu coração e lance-o fora! Hoje ainda é dia de escolher a Jesus e ser salvo da morte eterna! Escolhei hoje a quem sirvais!

Porque naquele dia cada um lançará fora os seus ídolos de prata, e os seus ídolos de ouro, que vos fabricaram as vossas mãos para pecardes, Isaías 31:7

E tirou da casa do Senhor os deuses estranhos e o ídolo, como também todos os altares que tinha edificado no monte da casa do Senhor, e em Jerusalém, e os lançou fora da cidade. 2 Crônicas 33:15

Shalom!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s