11 Motivos do toque do shofar em Rosh Hashaná

11903982_1018141374883671_7941446168186670088_n

“Estamos familiarizados com as visões, sabores e sons de Rosh Hashaná – a doce sensação do mel na boca,o ondular rítmico da congregação em prece, o grito do shofar no ar. Mas já paramos para pensar sobre as mensagens por trás das ações do dia?

Embora todo mandamento seja essencialmente supra-racional – realizado somente porque é a vontade e a ordem do Criador – nossos sábios encontraram significado e mensagens por trás dos mandamentos que cumprimos. Vamos examinar as 11 razões dadas para tocar o shofar em Rosh Hashaná.

1 – O Retorno do Rei
Em Rosh Hashaná, o aniversário da Criação, D’us renova a energia criativa que sustém nosso mundo. Mais uma vez, Ele é coroado como Rei do universo. Assim como trombetas são tocadas numa coroação, o shofar anuncia o contínuo reinado de D’us.

2 – O Grande Despertador
Em Rosh Hashaná, o primeiro dos Dez Dias de Arrependimento, despertamos de nosso sono espiritual. O shofar é como um alarme que nos chama para examinarmos nossas ações e corrigir nossas maneiras, quando retornamos a D’us.

3 – O Lembrete
O shofar foi tocado no Monte Sinai quando a Torá foi outorgada. Em Rosh Hashaná, tocamos o shofar para nos lembrar de nos rededicarmos ao estudo de Torá – e para lembrar D’us do nosso compromisso inicial e sinceridade.

4 – A Voz
O shofar nos lembra da voz dos profetas, que como o toque do shofar nos chamaram para corrigir nossos caminhos, seguir os mandamentos de D’us e agir corretamente com o próximo.

5 – As Lágrimas
O toque do shofar nos lembra dos gritos e lágrimas derramados pela destruição do Templo Sagrado em Jerusalém, inspirando-nos a trazer Mashiach e apressar a reconstrução do Templo.

6 – O Sacrifício
O shofar, feito de um chifre de carneiro, nos lembra da amarração de Isaac e o carneiro que D’us proveu como um sacrifício em seu lugar. Ao tocar o shofar, lembramos da fé dos Profetas e da nossa própria capacidade para o auto-sacrifício.

7 – Reverência
O shofar nos enche de reverência e humildade ao contemplarmos a verdadeira infinitude de D’us, como Ele preenche todo o espaço e o tempo.

8 – A Introspecção
O shofar será tocado no Dia do Julgamento, quando Mashiach vier. Portanto tocamos o shofar em Rosh Hashaná para nos lembrar de examinar nossos atos e contemplar como podemos melhorá-los.

9 – A Celebração
O toque do shofar irá assinalar o retorno do povo judeu quando Mashiach vier. Tocamos o shofar em Rosh Hashaná para nos lembrar da salvação de D’us em nossas vidas.

10 – A Unidade
O toque do shofar quando Mashiach chegar irá trazer um tempo de compreensão universal e reconhecimento da unidade de D’us. Tocamos o shofar em Rosh Hashaná para nos lembrar da unidade de D’us.

11 – O Grito
O chamado do shofar em Rosh Hashaná nos lembra do grito primordial, o eterno chamado silencioso da alma expressando seu desejo de retornar ao seu Criador.”

Fontes: Essa lista é compilada dos escritos de Rabi Saadiah Gaon, A razão número 11 é derivada de uma parábola ensinada pelo Baal Shem Tov.

Por Mordechai Lightstone

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s