A VERDADEIRA BATALHA DO BRASIL

JLANYH0Q

“Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus para destruição das fortalezas” 2 Coríntios 10:4

Eis aí o grande motivo da derrocada de grande parte de cristãos brasileiros na atualidade, e o motivo mais inerente é talvez por desconhecimento, talvez por desdenho e desprezo à passagens bíblicas, ou talvez ainda por não entender o real significado das palavras que estão escritas ali. Seja por qualquer um desses motivos, o fato é que muitos cristãos estão perdendo a batalha, quando trata-se de coisas em nível espiritual, que há meu ver tudo o que acontece tem um caráter espiritual envolvido, seja para o avançar da igreja como indivíduo ou grupo ou para o seu declínio.

A palavra de Deus é bem enfática quando diz que estamos em guerra constantemente contra forças opositoras. E se você entender isso, talvez você entenda a real situação pelas coisas que você está passando atualmente na sua vida, e ampliando um pouco mais, você entenderá que o que ocorre nesse exato momento nas nações da terra e especialmente no Brasil [digo especialmente no Brasil porque é a nossa pátria, então não adianta falar sobre outra nação, pois não fará tanta diferença quanto ao que passa conosco na nossa nação nesses dias atuais].

Não é segredo para ninguém o cenário caótico e de “guerra“ que estamos presenciando na nossa nação, guerra tal que está dividindo o povo, e pasmem, também está dividindo grande número de “cristãos”; já não bastassem as divisões de linha de raciocínio e linhas teológicas, agora também divisões políticas. Tudo isso por causa de um ex-presidente denunciado e investigado pela polícia federal, ministério público e poder judicial e por causa do atual governo corrupto e corrompido que está explícito em a nossa nação, não somente agora, mas por muitos anos, porém agora veio à tona toda roubalheira com proporções maiores. Mas não quero entra no merecimento da política e sim na essência do texto.

Outro dia fizemos comparação em nossa página do Facebook sobre a divisão do reino de Israel em dois reinos, entre Roboão e Jeroboão (1 Reis 12, 13 e 14 e também 2 Crônicas 10, 11, 12 e 13) por consequência do pecado da nação e as consequências dessa divisão que resultou na queda completa moral, espiritual e emocional daquele que tinha sido [e ainda é] o povo amado do Eterno.

Mas hoje queremos também trazer à memória dos irmãos (ãs) a afronta de Golias sobre Israel e sobre Seu Deus (1 Samuel 17), e como Saul que não havia mais o Espírito Santo de Deus, além acovardado queria fazer o valente e valoroso Davi se valer de armas físicas para derrotar àquele que na verdade estava por traz de Golias afrontando ao Senhor dos Exércitos, porque atrás de Golias estava uma força espiritual (Principado do mal) conduzindo as palavras que traziam vergonha, tristeza e temor para o povo de Deus. Na verdade Davi iria enfrentar aparentemente um homem que apesar de gigante era de carne e osso, mas aquela batalha tomaria proporções gigantescas no mundo espiritual onde o próprio Deus estaria lutando por seu povo (1 Samuel 17:45-47). E Davi soube discernir muito bem o que a cristandade atual não consegue entender, mesmo estando escrito: “Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.” Efésios 6:11-13. Perceba que Davi foi inspirado pelo Espírito de Deus a recusar-se a armadura de Saul para se vestir a armadura de Deus, vamos ao que está escrito: “E Saul vestiu a Davi de suas vestes, e pôs-lhe sobre a cabeça um capacete de bronze; e o vestiu de uma couraça. E Davi cingiu a espada sobre as suas vestes, e começou a andar; porém nunca o havia experimentado; então disse Davi a Saul: Não posso andar com isto, pois nunca o experimentei. E Davi tirou aquilo de sobre si.” 1 Samuel 17:38-39.Em resumo, estamos sofrendo a afronta de “Golias” em nossa nação, que tem zombado muito além do povo brasileiro, esse “Golias” tem zombado de Adonai Tzeva’ot (Senhor dos Exércitos) e percebemos grande parte da cristandade desprezando a armadura e as armas de Deus, que são poderosas para destruição das fortalezas (2 Coríntios 10:4) para se vestirem da armadura de Saul que são armas físicas e carnais para combater aquilo que é espiritual, e nem vamos entrar no caso de alguns que tem vestido a armadura de Golias para batalhar lado a lado com ele. Infelizmente chegamos no dia mal para a nação brasileira como está descrito em Efésios 6, e não sabemos lutar com as armas e armadura certa.

Meus amados (as) há infelizmente muitas pessoas vivendo uma falsa fé no General dos Exércitos de Deus, pois lutam por si mesmas (ainda que aparentemente seja por interesses de muitos) e uma grande maioria dessas pessoas ignora completamente a seguinte passagem: “Assim diz o Senhor: Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do Senhor! Jeremias 17:5. Infelizmente vemos uma grande parcela da sociedade cristã colocarem a sua confiança no que o homem pode fazer para mudar essa calamitosa situação que afligiu a nossa nação e não no Senhor; tais pessoas se inflamam e entregam-se à esperança de que “fulano de tal” veio para limpar a nossa nação, e esquecem-se de que a igreja possui armas poderosas, onde as portas do inferno não prevalecerão contra ela (Mateus 16:18), não pelo fato de as terem, mas pelo fato de que aquelas armas pertencem ao Supremo General (Jesus Cristo).

Davi não hesitou de utilizar-se das armas que o Senhor dos Exércitos dispôs a ele e nem tão pouco hesitou em dizer que estava indo em Nome do Senhor dos Exércitos. Se Davi preferisse utilizar as armas do rei Saul e fosse em nome de Saul, podem ter a certeza de que a derrota e o escárnio seriam certos.

Povo precioso de Deus, essa batalha não será vencida por passeatas, manifestações, revoltas, etc. Se você quer utilizar-se de meios democráticos para demonstrar que não está de acordo com essa vergonha que estamos passando, faça; afinal a própria bíblia nos ensina a não nos prender a jugos desiguais com os infiéis e nem fazer aliança com a injustiça (2 Coríntios 6:14-15); mas não deixe de usar as armas espirituais e de crer somente em Deus e aguardar a Sua soberana vontade para a nação, afinal tudo o que está acontecendo é da permissão de Deus, pois Ele está julgando a nossa nação pelos pecados que ela tem cometido diante Dele. Então não adianta lutar para não acontecer, porque certamente irá acontecer, mas tem tempo determinado, caso a igreja brasileira se humilhe e se arrependa perante Ele, como fez o povo de Israel fez quando Deus enviou Sisaque a Jerusalém (2 Crônicas 12:6-12).

Caso nós entendamos que o braço de carne não nos salvará e sim o Senhor, e nos voltar para Ele, poderemos também não somente ler, mas viver de fato a seguinte passagem: “Esforçai-vos, e tende bom ânimo; não temais, nem vos espanteis, por causa do rei da Assíria, nem por causa de toda a multidão que está com ele, porque há um maior conosco do que com ele. Com ele está o braço de carne, mas conosco o Senhor nosso Deus, para nos ajudar, e para guerrear por nós. E o povo descansou nas palavras de Ezequias, rei de Judá.” 2 Crônicas 32:7-8.

A igreja precisa amadurecer e aprender sobre quem é Deus, só assim poderá crer de fato no Seu poder e parar de agir com imaturidade e com o leite que é oferecido à meninos e não à perfeitos em Cristo (Hebreus 5:11-14).

Escutem a voz do Eterno e não resista às Suas poderosas e eternas palavras: “Ainda assim, agora mesmo diz o Senhor: Convertei-vos a mim de todo o vosso coração; e isso com jejuns, e com choro, e com pranto. E rasgai o vosso coração, e não as vossas vestes, e convertei-vos ao Senhor vosso Deus; porque ele é misericordioso, e compassivo, e tardio em irar-se, e grande em benignidade, e se arrepende do mal. Quem sabe se não se voltará e se arrependerá, e deixará após si uma bênção, em oferta de alimentos e libação para o Senhor vosso Deus? Tocai a trombeta em Sião, santificai um jejum, convocai uma assembléia solene. Congregai o povo, santificai a congregação, ajuntai os anciãos, congregai as crianças, e os que mamam; saia o noivo da sua recâmara, e a noiva do seu aposento. Chorem os sacerdotes, ministros do Senhor, entre o alpendre e o altar, e digam: Poupa a teu povo, ó Senhor, e não entregues a tua herança ao opróbrio, para que os gentios o dominem; por que diriam entre os povos: Onde está o seu Deus? Então o Senhor se mostrou zeloso da sua terra, e compadeceu-se do seu povo. E o Senhor, respondendo, disse ao seu povo: Eis que vos envio o trigo, e o mosto, e o azeite, e deles sereis fartos, e vos não entregarei mais ao opróbrio entre os gentios.” Joel 2:12-19. Não pensem que haverá paz em nossa terra, sem nos voltarmos verdadeiramente para o Eterno, porque Ele não muda e também zela pela Sua palavra para cumpri-la (Jeremias 1:12), porque assim diz o Rei: “Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim abrogar, mas cumprir. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til jamais passará da lei, sem que tudo seja cumprido.Mateus 5:17-18; portanto, mesmo as ordenanças cerimoniais não ter valia para a salvação dos gentios, mas o arrepender-se e voltar para Deus para que Deus se compadeça e nos envie a cura e nos agracie com a Graça de Jesus (Atos 3:18-26) ainda é válido enquanto existir céus e terra. Ele não muda o Seu caráter e o padrão de justiça e juízo (Malaquias 3:6), são ETERNOS.

“Vinde, e tornemos ao SENHOR, porque ele despedaçou, e nos sarará; feriu, e nos atará a ferida. Depois de dois dias nos dará a vida; ao terceiro dia nos ressuscitará, e viveremos diante dele. Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra.” Oséias 6:1-3.

Não despreze a palavra dos profetas.

Shalom!!!!

3 comentários em “A VERDADEIRA BATALHA DO BRASIL

  1. Boa tarde , maravilhoso artigo faz mas de um ano que eu estou clamado ao senhor pelo nosso pais vivo no exterior e posso ver como nosso povo tem sofrido por falta de entendimento. Eu louvo a Deus porque em nosso pais ainda Ha profetas e eu fui despertada a ter uma vida diaria ,de oracao atraves de uma pregracao do Pr Paulo Junior. sem oracao sem poder !entao a partir dai fui vendo como e o desenrrolar do mundo espiritual a nossa volta ….irmaos vamos despertar para ter uma vida de relacionamento com o nosso pai buscando a cada dia arrependimento de nossos atos para que Deus tenha misericordia e sare nossa terra

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s