A Última Trombeta

Jesus está voltando!

Ativista do Monte do Templo: “Estamos escrevendo o 25º livro da Bíblia este ano”

Os Judeus estão ‘escrevendo’ o 25º livro do Antigo testamento. Este tratará dos preparativos e da construção do Terceiro Templo.
(Fonte: BreakingIsraelNews)

“E os muitos povos irão e dirão: “Vinde, subamos ao monte de Hashem, à casa do Deus de Yaakov; Para que nos instrua nos seus caminhos, e para que andemos em suas veredas. ” Pois a instrução sairá de Tzion, a palavra de Hashem de Yerushalayim.” Isaías 2:3 (The Israel Bible ™)

No ano passado estabeleceu um recorde para o número de judeus subindo ao Monte do Templo, mas nesta semana, com dois meses ainda faltando para o ano novo judaico, esse recorde foi quebrado. Este interesse crescente pelo local mais sagrado do judaísmo é, provavelmente, abrir o caminho para o Terceiro Templo, e um ativista observa que os eventos atuais podem um dia ser escritos como um adendo à Bíblia.

local_terceiro_templo.jpg

Elisha Sanderman, porta-voz da organização ativista Yera’eh, do Monte do Templo, disse a Breaking Israel News que 22.566 subiram até o Monte do Templo até agora este ano, mais do que visitou o local no ano passado. Sua organização acompanha essa estatística diariamente, começando e terminando em Rosh Hashaná, o Ano Novo Judaico.

“É difícil estimar quantos vão chegar nos próximos meses”, disse Sanderman ao Breaking Israel News. “No ano passado, 2.264 judeus visitaram o Monte do Templo no dia 9 de Av, por isso é razoável esperar, embora seja surpreendente imaginar, que o dobro desse número visite o Monte do Templo no dia 9 de Av este ano.”

O 9º dia do mês hebraico de Av, referido como Tisha B’Av, é um dia de jejum que comemora a destruição de ambos os templos judaicos. Começa na noite de 21 de julho e termina na noite seguinte.

“Nestes últimos dois meses que antecederam Rosh Hashanna e Yom Kippur, costumamos ver mais judeus a subir quando eles começam a colocar um esforço especial em tshuva (arrependimento)”, disse Sanderman.

Sanderman especulou sobre as razões por trás do poderoso fenômeno.

“A polícia e o governo estão apoiando mais os judeus, mas isso não faria sentido se não fosse por um despertar espiritual entre os judeus”, disse ele. “Costumava ser que apenas homens jovens do movimento religioso nacional visitavam o local. Mas agora, vemos todos os tipos de judeus, incluindo Haredi, muitos dos quais o fazem apesar das objeções dos rabinos.”

Ele até observou muitos israelenses não religiosos que estão se interessando pelo local mais sagrado do judaísmo. Sanderman contou uma história comovente de um telefonema que recebeu de um israelense secular que perguntou sobre as leis religiosas relativas à ascensão ao Monte do Templo.

“Ele disse que não é religioso, mas se ele fosse ao sítio, ele queria fazê-lo de maneira 100% apropriada”, relatou Sanderman.

Yera’eh não conta os cristãos que visitam o local, pois não passam pelo posto de segurança. Sanderman observou que tem havido um novo fenômeno de cristãos e não-judeus que se relacionam com o sítio como espiritualmente significativo. Ele relatou como quatro não-judeus do Texas fizeram um juramento no Monte do Templo para defender as Leis de Moisés.

“Nós os contamos junto com os judeus em nossas estatísticas”, disse Sanderman. “Foi poderosamente inspirador testemunhar seu juramento. De muitas maneiras, os guardas Waqf (autoridade muçulmana) relacionam-se com eles de forma ainda mais dura do que com os judeus. Sua presença pode não ser tão quantitativamente impactante, mas não é menos significativa na luta para devolver o Monte do Templo ao seu papel de “uma Casa de Oração por Todas as Nações”. [obs: isso soa ecumenico para voce, um lugar de oração sagrado das naçães, sem Jesus??

“Estamos testemunhando a história em formação. Conhecemos cerca de 24 livros na Bíblia, mas estamos escrevendo o 25º livro agora. Um dia, as pessoas lerão sobre a construção do Terceiro Templo assim como lemos sobre Esdras e Neemias construindo o Segundo Templo e Salomão construindo o Primeiro Templo. Talvez o 25º livro da Bíblia até liste nomes de pessoas que conhecemos, aquelas que têm um papel especial no que está acontecendo hoje no que chamamos de política, mas que na verdade é muito mais do que isso ”.

Matéria Original por Adam Eliyahu Berkowitz ,7 de julho de 2018. ACESSE ORIGINAL AQUI: https://www.breakingisraelnews.com/110512/temple-mount-activist-we-are-writing-the-25th-book-of-the-bible-this-year/

templo.jpg

“O que se entende por alegoria; porque estas são as duas alianças; uma, do monte Sinai, gerando filhos para a servidão, que é Agar. Ora, esta Agar é Sinai, um monte da Arábia, que corresponde à Jerusalém que agora existe, pois é escrava com seus filhos.Mas a Jerusalém que é de cima é livre; a qual é mãe de todos nós. Porque está escrito: Alegra-te, estéril, que não dás à luz; Esforça-te e clama, tu que não estás de parto; Porque os filhos da solitária são mais do que os da que tem marido. Mas nós, irmãos, somos filhos da promessa como Isaque. Mas, como então aquele que era gerado segundo a carne perseguia o que o era segundo o Espírito, assim é também agora.” (Gálatas 4:24-29)

“Porque eles mesmos anunciam de nós qual a entrada que tivemos para convosco, e como dos ídolos vos convertestes a Deus, para servir o Deus vivo e verdadeiro, e esperar dos céus o seu Filho, a quem ressuscitou dentre os mortos, a saber, Jesus, que nos livra da ira futura.”  (1 Tessalonicenses 1:9,10)

Muitos religiosos seguem procurando a glória terrena e uma religião para si, que chamam de verdadeira. Mas não reconhecem o Salvador Jesus, Yeshua, o enviado do Pai, antes o rejeitam, fecham o coração e entendimento. Jesus fez daqueles que crêem Nele, por meio da sua morte e ressurreição,  o seu verdadeiro Templo, agora Ele habita em nós. Importa adorá-Lo em Espírito e em Verdade! Porque Ele não habita em templos feitos por mãos de homens!! Mas muitos preferem o caminho do engano e da mentira. E o pai da mentira bem sabemos que é; e não queremos ter parte com ele. Temos parte com Cristo, nossa herança eterna!

 

Nota: As Escrituras Hebraicas, conhecidas pelos cristãos como Antigo Testamento, têm 46 livros (39 livros na versão usada pelos cristãos protestantes) e constitui a totalidade da Bíblia hebraica (dividida em 24 livros no Judaísmo, pois alguns dos livros que são divididos pelos cristãos em dois na realidade são apenas um. Ex: 1 e 2 Reis, 1 e 2 Crônicas) e a primeira grande parte da Bíblia cristã. Foram compostos em sua grande maioria em hebraico, grego e partes em aramaico. Chama-se também Tanakh, acrônimo lembrando as grandes divisões dos escritos sagrados da Bíblia hebraica que são os Livros da Lei (ou Torá), os livros dos profetas (ou Nevi’im), e os chamados escritos (Ketuvim). Entretanto, os cristãos dividem o Antigo Testamento em outras partes, e reordena os livros dividindo-os em categorias; Lei, história, poesia (ou livros de sabedoria) e Profecias.

Siga-nos nas redes:
TWITTER: A Última Trombeta
YOUTUBE:  A Última Trombeta
FACEBOOK:A Última Trombeta
INSTAGRAM: A Última Trombeta

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Anúncios

Visitantes

Map

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 106.332 outros seguidores

Follow A Última Trombeta on WordPress.com

Estatísticas do blog

  • 3.009.663 cliques

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: