A Última Trombeta

Jesus está voltando!

Série: O ANTICRISTO parte 9

O ANTICRISTO PARTE 9 –  DIGNOS DE ESCAPAR

(JÁ LEU A PARTE 8?)

 

Creio que seria um equívoco pensar que não haverá lugares de refúgio ou segurança para onde os crentes possam escapar antes ou durante a tribulação. Seria errado pensar que não há nada que nós possamos fazer agora ou no futuro para sobrevivermos ao que está por vir.

64489887_691842714607520_5649783046439726892_n

Obviamente, alguns crentes realmente conseguirão ir até o fim desse período de tribulação. Falando a respeito do arrebatamento futuro, Paulo escreve “…nós, os vivos, os que ficarmos até à vinda do Senhor” (I Ts 4:15), indicando assim que, ao tempo da vinda de Jesus, haverá crentes “vivos” ainda na terra. O Anticristo, apesar dos seus melhores esforços, não conseguirá apanhar a todos.

Também, seguindo este mesmo raciocínio, em Apocalipse 12, nós lemos sobre uma mulher santa que dá à luz a um filho. O dragão persegue esta mulher do final dos tempos. mulher-em-profeciaEle jorra “água” da sua boca como um rio (vs. 15), tentando destruí-la. Mas a terra “…socorreu a mulher… e engoliu o rio” (vs. 16). Isso pode significar que o Anticristo fará um grande esforço para exterminar a igreja. Ele devotará o seu melhor para conseguir isso.

Mas a terra é tão grande que o Anticristo simplesmente não conseguirá alcançar todos os seus cantos e matar a todos. Os seus maiores esforços não serão suficientes para cobrir o globo. O simples tamanho da terra “engolirá” as suas tentativas. Ele tem muitas outras questões com as quais lidar e muitas outras coisas em sua mente.

Consequentemente, parece realista concluirmos que há alguns países ou lugares na terra onde os cristãos estarão um pouco mais seguros. Poderá haver lugares onde o poder e a influência do Anticristo será menor. Não estou falando aqui de um tipo de total imunidade contra perseguição, mas sobre lugares que serão menos impactados pelos planos do Anticristo.

De acordo com a Bíblia, deve haver “um lugar preparado por Deus” para onde essa mulher é capaz de fugir (vs. 6). Esse “lugar” (singular na Bíblia) poderia, na prática, ser muitos diferentes lugares ao redor do mundo. Ou poderia ser um continente ou alguma área mais ampla, a qual inclui vários países diferentes. (As “asas de uma grande águia”, no verso 14, poderia referir-se, possivelmente, a aeronaves).

Logicamente, essas localidades estariam em países que são autossuficientes de energia. Eles seriam lugares que não dependem do petróleo estrangeiro. Ou eles produziriam suficiente petróleo por conta própria ou teriam outras alternativas para usar como combustível. Eles poderiam ser áreas com uma ampla população cristã que resistiria à pressão para matar crentes e judeus. Eles estariam distantes, isto é, isolados das outras partes do mundo.

Eles seriam provavelmente países que não são considerados “chaves” nas economias globais. Seria útil se eles tivessem sistemas monetários e/ou bancários que não fossem completamente dependentes do resto do mundo. Esses países também seriam provavelmente menos desenvolvidos. Tais poderiam ser os lugares (ou “lugar”) que estarão sendo preparados por Deus para abrigar alguns dos Seus, daquilo que está por vir.

Tais nações ou áreas de segurança provavelmente teriam agricultura local em abundância. Elas deveriam ter um sistema de produção e distribuição de comida que não dependesse muito do transporte para longas distâncias. Elas, provavelmente, gerariam a sua própria eletricidade.

Em resumo, elas seriam lugares que são menos dependentes do restante do mundo para o seu viver diário. Esses seriam bons lugares para onde fugir quando se torna necessário.

Uma parte do mundo que tem sido uma área de refúgio, historicamente, é a América Central e a América do Sul. Algumas nações dessas regiões produzem petróleo. Muitas cultivam a sua própria comida e fabricam uma boa parte de outras mercadorias necessárias.

Essa região não é central para a economia mundial e é, de certa forma, isolada em termos de distância. Política e militarmente, ela não é central à ordem do mundo atual. Eu certamente não quero com isso ofender os cidadãos desses países ao dizer isso. Acho apenas que estes podem ser bons lugares a serem levados em conta por crentes que precisam fugir.

Curiosamente, esse local de relativa segurança é um lugar “preparado por Deus”. Isso significa que Ele arranjou tudo em termos de posição geográfica, autossuficiência de petróleo, produção de comida etc., para proteger o Seu povo que fugir para lá. A estratégia geral aqui não é algo que um homem ou um grupo de homens planejou.

iStock_000067813803_LargeIsso não será o resultado de algum novo movimento cristão. Ao invés disso, é algum lugar que Deus tem providenciado. Ele não é resultado de preparação humana, tal como provisão de comida, ou compra de terras, mas algum lugar que o nosso Senhor tem preparado.

Creio que seja extremamente imprudente pensar em qualquer lugar dentro dos Estados Unidos como um lugar de refúgio. Aquele país já é o foco do ódio das nações do Oriente Médio. De acordo com o raciocínio no livro Babilônia, os Estados Unidos serão, provavelmente, atacados por armas nucleares e amplamente destruídos.

A consequência de um ataque assim produziria morte, devido à contaminação nuclear, fome e muita criminalidade e confusão. Aquele país não seria seguro. Ele não seria considerado como um “lugar preparado por Deus.”

Além disso, é muito possível que depois de tal ataque nuclear, outras nações que estão famintas por terra possam invadir os Estados Unidos. Algumas, tais como a China, poderiam nem dar muita atenção à segurança de suas tropas com relação à radiação residual, mas serem meramente motivadas pelo pensamento de conseguir um enorme pedaço de terra arável. A China e outros países têm áreas para a agricultura menos amplas e poderiam decidir que eles deveriam se aproveitar da situação.

Pode soar algo absurdo hoje, mas é muito possível que, com os EUA subjugados, vários outros países, incluindo o México, a Rússia, a China e outros, enviassem tropas para “ajudar” e/ou “restaurar a ordem”. Pense nisso: Se alguma catástrofe como essa acontecesse a outro país, os EUA enviariam tropas para “socorrer” ou “restaurar a ordem”? Certamente que sim. Portanto, as outras nações agirão assim também.

respheaderMuitos americanos sobreviventes poderiam considerar essas tropas como “invasoras”. Tal situação provocaria mais confusão e, provavelmente, uma guerrilha. Isso seria especialmente verdadeiro se estas outras nações estivessem sob a influência do Anticristo e comprometidas a ajudá-lo a cumprir os seus planos de exterminar os crentes. Com certeza, esse não seria um lugar de refúgio “preparado por Deus”.

QUE TIPO DE PESSOAS?

O que temos discutido é, ao mesmo tempo, sério e assustador. Neste livro, temos uma palavra de alerta. Percebemos que o nosso tempo é curto. Portanto, “Visto que todas essas coisas hão de ser assim desfeitas, deveis ser tais como os que vivem em santo procedimento e piedade” (2 Pe 3:11). Uma vez que o nosso Senhor vai retornar a esta terra, muito provavelmente “nesta geração”, como deveria este conhecimento afetar o nosso modo de vida?

Creio que seria preciso que todos nós gastássemos um momento e considerássemos as seguintes perguntas: Quais são as nossas prioridades? Quais são as nossas metas? O que estamos buscando alcançar com o nosso tempo, energia e dinheiro? Como estamos usando os dons que Deus nos deu?

Estamos nós, como servos fiéis, investindo de uma forma que agradará o nosso Mestre quando Ele vier? Estamos construindo o Seu reino? Estamos servindo o Seu corpo? As nossas vidas são um testemunho de humildade, pureza e amor? Ou estamos nós servindo principalmente a nós mesmos e buscando alcançar os nossos próprios interesses e prioridades, enquanto deixamos a busca e o serviço a Deus em segundo lugar em nossas vidas?

hqdefault

Se não podemos honestamente dizer que Deus é a nossa prioridade número um, então, é tempo de nos arrependermos. O Seu Reino está próximo! Muito brevemente, nossa fé e compromisso com Ele e com o Seu povo vai ser testado – severamente testado. Esse teste será baseado no nosso amor por Deus e no nosso amor uns pelos outros. Ele vai mostrar se nós estamos ou não dispostos a morrer por Ele e/ou por outros crentes, nossos irmãos e irmãs em Cristo.

Nós negaremos a Jesus e trairemos nossos irmãos e irmãs ou seremos fiéis até à morte? Nós vamos concordar com o programa do Anticristo para preservar o nosso estilo de vida atual? Entregaremos outros para salvar a nossa própria pele? Estaremos dispostos a sofrer e, até mesmo, morrer? Será melhor pra você, se resolver essas questões essenciais em seu coração hoje.

Este escritor está convencido de que o que o futuro contém não será nem agradável nem fácil. Talvez nós tenhamos apenas uns poucos anos a mais de relativa paz para acertarmos os nossos corações com Deus, fazer a vontade Dele e cumprir os propósitos para os quais Ele nos criou.

Não há absolutamente qualquer tempo a perder! Talvez já tenhamos desperdiçado uma parte do precioso tempo de Deus. Possivelmente já estejamos “cansados de fazer o bem” (Gl 6:9), ou desencorajados pela apatia de outros, pela falta de “sucesso” ou dificuldades que temos encontrado.

Deus certamente nos perdoará pelo que é passado, mas o futuro está diante de nós. Definitivamente, é tempo de restabelecer as mãos decaídas e os joelhos trôpegos; e fazer caminhos retos para os nossos pés, para que não se extravie o que é manco, antes seja curado (Hb 12:12,13).

Uma coisa a ser feita imediatamente é cortar de vez o nosso envolvimento com qualquer coisa e tudo aquilo que sabemos não ser da vontade de Deus. Ninguém terá que lhe dizer o que é. Você, sem dúvida, já sabe em seu coração o que é que você tem na sua vida que não O agrada. Você sabe o que é que o envergonhará se Ele vier hoje, agora. Quando você se arrepender destas coisas, você encontrará o perdão Dele.

A coisa seguinte a ser feita é rededicar a sua vida a Ele. Decida firmemente, e, então, declare a Ele que você dedicará o resto da sua vida a Ele e a fazer a Sua vontade. Ainda não é tarde demais. Enquanto o tempo ainda se chama “hoje” (Hb 3:7), faça o que você sabe que deve fazer para renovar o seu relacionamento com Ele e comece, de hoje em diante, a fazer a Sua vontade.

cruzAinda há tempo hoje. Há tempo para servir a Jesus entregando nossas vidas para servir a outros em Seu nome. Há ainda bastante luz do dia para fazer as obras de Deus (Jo 9:4). Aproveite este fato ao máximo!

Quando a perseguição começar, será muito difícil viajar, pregar, ensinar e evangelizar. O trabalho do Senhor se tornará complicado por muitas barreiras e dificuldades. Guerras e agitação farão com que seja muito difícil completar o que Deus lhe deu para fazer. Então, mova-se agora! Use o tempo ainda disponível e tire o máximo proveito disso! Comece hoje a colocar de lado as coisas que lhe têm impedido de fazer o trabalho que o Senhor lhe chamou para fazer. Não o adie mais. Nós devemos estar “remindo o tempo, porque os dias são maus” (Ef 5:16).

NÃO DEVEMOS CAMINHAR EM TREVAS

Não é a vontade de Deus que Seus filhos estejam nas trevas. Paulo nos ensina isso: “Mas, vós, irmãos, não estais em trevas, para que esse dia como ladrão vos apanhe de surpresa” (1 Ts 5:4). Portanto, crentes que estiverem em íntima comunhão com Jesus verão o que está por vir. Ele nos mostrará isso. O que está por vir não deve ser surpresa para nenhum crente.

Os filhos de Deus não devem estar numa posição tal que sejam controlados pelos “cuidados desta vida” e, então, aconteça que aquele dia “venha sobre [eles] inesperadamente” (Lc 21:34). Ao contrário, andando em intimidade com o Senhor, nós devemos estar profundamente cientes dos sinais dos tempos, que estão se descortinando diante de nós (Mt 16:3).

deus-e-o-tempoÀ medida que compreendemos os tempos, nós podemos, então, ajustar as nossas vidas para que estejam mais perfeitamente alinhadas com a vontade de Deus nestes últimos dias. Andando em intimidade com o Senhor, nós estarmos prontos para o que está por vir. Os eventos que virão sobre a terra não devem servir como desânimo para nós, mas como um encorajamento.

Jesus, após ensinar os Seus discípulos a respeito dos sinais dos tempos e o fim dos séculos, disse: “Ora, ao começarem estas coisas a suceder, exultai e erguei as vossas cabeças; porque a vossa redenção se aproxima” (Lc 21:28). Saber que a nossa vida de luta e combate, nosso labor, nossas frustrações e nossas dores vão terminar em breve deve ser um encorajamento para nós.

Assim, tal como um corredor de maratonas vê a linha de chegada e aperta o ritmo para terminar à frente, assim nós também temos a oportunidade de ver o fim chegando e dar a nossa última arrancada em direção à meta final.

Naturalmente, ninguém quer sofrer. É simplesmente nossa tendência humana querer evitar qualquer dor ou dificuldade, se nós pudermos. O nosso pai celestial também não gosta de ver os Seus filhos sofrerem. No entanto, os “tempos de angústia” que estão por vir sobre a terra atenderão a dois propósitos de Deus.

Um propósito, ao enviar os Seus julgamentos sobre os perversos, é que isso possa ajudar alguns deles a se voltar para Ele, devido aos seus sofrimentos. Uma prova de que o Seu amor pelos perversos ainda existe é que em meio aos Seus julgamentos sobre a terra, Ele enviará um anjo para pregar o Evangelho a eles do meio do céu (Ap 14:6).

O segundo propósito é purificar os Seus próprios filhos, ao permitir que eles sofram perseguição. É um fato triste, mas verdadeiro, que a igreja dos nossos dias não é perfeita. Ela não é “sem mácula ou ruga” (Ef 5:27). Na verdade, a situação é sinceramente lamentável. Quanto mais você olha, mais problemas você pode ver. O número dos crentes envolvidos em egoísmo e pecado está além da conta. Assim, Deus usará o tempo de provação que está por vir para testar, refinar e purificar os Seus filhos e filhas.

ouro-derretido-derretendoEste será um tempo que beneficiará aqueles crentes que voltarem os seus corações para Deus em meio a isso. Através da fornalha da aflição, crentes serão purificados, durante o período da tribulação. Aqueles que não buscaram a Deus antes desse tempo terão uma oportunidade de fazê-lo. Qualquer crente que não aproveitou o seu tempo para se tornar mais parecido com Jesus precisará de um pouco de aquecimento e pressão para refiná-lo, rumo à perfeição.

O período de provação que está por vir será uma das formas de Deus cumprir os Seus propósitos para com o Seu povo. Ele usará essas coisas para o nosso bem e para levar adiante o Seu eterno plano, à medida que nos voltamos para Ele nas horas da tribulação.

Por favor, lembre-se, mais uma vez, que a palavra “tribulação” no Novo Testamento não se refere aos julgamentos de Deus sobre o mundo, mas àquilo que o Anticristo fará aos crentes e aos judeus.

DIGNOS DE ESCAPAR

Mas pode ser que esta intensa purificação não seja a mesma para todos os cristãos. Dependendo de onde os crentes vivem e de como é o relacionamento deles com Jesus, a intensidade desta perseguição pode variar. É possível que para alguns, haja um modo de escapar. Nós encontramos uma dica disso no Evangelho de Lucas, onde lemos: “Vigiai, pois, a todo tempo, orando, para que possais escapar de todas estas coisas que têm de suceder, e estar em pé na presença do Filho do homem” (Lc 21:36).

Esse “escapar” pode ser efetivado de diversas formas. Parece que há alguns poucos cujas vidas são tão agradáveis a Deus que eles não precisarão do teste e purificação que estão por vir. Alguns já estão vivendo uma vida de retidão. Suas vidas já são purificadas e preparadas. Portanto, Deus não precisará permitir que eles passem pelo tempo de provação.

Se você estiver pronto para encontrar o noivo, tendo as suas roupas sem manchas e brancas, então, talvez, não haja a necessidade de testes e provas de fogo. Um verso que dá suporte a essa ideia é encontrado em Apocalipse 3:10. coroa-salvaAqui Jesus diz a alguns crentes fiéis: “Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra”.

Desse modo, vemos que uma boa maneira de evitar o período de perseguição e tribulação que está por vir é permitir que Deus purifique a sua vida hoje. Se Deus considerar que você está maduro – que a sua vida é completamente agradável a Ele – você tem Sua promessa de que Ele o protegerá daquilo que está por vir. Ele “o guardará na hora da provação” (Ap 3:10).

Isso significa que haverá um arrebatamento parcial antes da tribulação? Eu não sei dizer. Entretanto, tal “arrebatamento” não é realmente necessário para cumprir esse verso. Parece muito claro que Deus encontrará uma maneira de remover e/ou proteger do perigo os Seus seguidores fiéis. Como Ele fará isso, não é explicado.

Uma possibilidade seria através da morte. Embora muitos temam a morte e olhem para ela de forma negativa, o ponto de vista de Deus não é assim. Nós lemos: “O justo perece, e ninguém pondera isso em seu coração; homens piedosos são tirados, e ninguém entende que os justos são tirados para serem poupados do mal [que está por vir]” (Is 57:1-NVI). Você percebe, Deus pode, e vai dar um jeito de levar alguns de Seus filhos para casa antes que os eventos futuros se tornem intensos.

Há também uma outra possibilidade. Pode ser que alguns dos justos tenham a pré-visão e sabedoria para fugir para aquele “lugar” de refúgio o qual Deus preparou, antes que as coisas se tornem muito ruins. Esse é o “lugar” sobre o qual falamos antes. É algum lugar que Deus tem preparado para este propósito específico. Uma tradução de Lucas 21:36, texto já citado, sugere tal possibilidade. Ao invés de serem “considerados dignos” de escapar, alguns textos bíblicos antigos trazem: “possam ter força para escapar”.

Essa tradução sugere a possibilidade de que alguns terão a pré-visão espiritual e direção divina para encontrarem um lugar seguro. Essa compreensão também coincidiria com o verso em Provérbios, que diz: “O prudente vê o mal, e esconde-se; mas os simples passam adiante e sofrem a pena” (Pv 22:3).

Essas passagens revelam a possibilidade de Deus guiar os Seus servos nos últimos dias a tomarem iniciativas que protegeriam a si mesmos e a suas famílias da pior perseguição que está por vir. Isso mostraria que tal pessoa é “prudente”. Entretanto, os caminhos de Deus são sempre mais altos do que os nossos e é difícil imaginar como Ele pode guiar os Seus filhos.

É bem possível que Ele use todos os meios acima (juntamente com outros que nem imaginamos) para proteger desses dias maus, aqueles que O amam acima de todas as coisas.

Este livro não pretende ser uma dissertação completa da profecia do fim dos tempos. Nosso objetivo aqui foi olhar o Anticristo de perto, os eventos que levarão ao seu aparecimento e as coisas que poderão acontecer em seguida.

O alvo

Saber o que está por vir ajudará a todos nós a olhar para a direção correta, de tal forma que não tenhamos a vista obscurecida pelo futuro. Caminhando na luz de Deus, podemos ver como as coisas estão se desenrolando e, então, podemos tomar quaisquer passos de preparação necessários que Deus possa nos mostrar. Que Deus lhe acrescente a Sua unção e bênção, enquanto você medita nessas coisas.”

Este estudo é parte integrante do livro Anticristo, de David W. Dyer. Baixe gratuitamente.

3 comentários em “Série: O ANTICRISTO parte 9

  1. José Nunes Dantas Sena
    16 de março de 2020

    O corona vírus é um.castigo de DEUS contra os homens

    O corona vírus veio para abrir o caminho da chegada do Anti Cristo.

    Não ache que o corona vírus é uma doença porque o corona vírus é uma praga de Deus contra os homens

    Curtir

  2. Joel
    11 de fevereiro de 2020

    Creio que será o Brasil , 100% possibilidades para receber os Judeus .O Brasil mudará sua embaixada para Jerusalém em 2021…e vejam isso peguem a letra BRASIL B 1 5 I . R 2 4 S . A 3 2 R . S 4 3 A . I 5 1E . L 6 6 L

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Visitantes

Map

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se aos outros seguidores de 110.860

Follow A Última Trombeta on WordPress.com

Estatísticas do blog

  • 3.883.345 cliques

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: