Uma vida com propósitos: Dia 40

Dia 40 – VIDA COM PROPÓSITOS

✍ Muitos são os planos no coração do homem, mas o que prevalece é o propósito do SENHOR. Provérbios 19.21; NVI

✍ Pois Davi […] serviu aos propósitos de Deus em sua geração. Atos 13.36; NASB

virtudes-cristãs

Viver com propósitos é a única maneira de viver de verdade. Todo o resto é apenas existir.

A maioria das pessoas luta com as três questões básicas da vida. A primeira é a identidade. Quem sou eu? A segunda é a importância: Significo alguma coisa? A terceira é o impacto: Qual o meu lugar na vida? As respostas a todas as três perguntas são encontradas nos cinco propósitos que Deus tem para você. No cenáculo, quando Jesus concluiu seu último dia de ministério junto aos discípulos, ele lavou os pés deles como exemplo e disse: Agora que vocês sabem estas coisas, felizes serão se as praticarem. (Joao 13.17; NVI) Uma vez que saiba o que Deus quer que você faça, a bênção vem quando você põe em prática o que aprendeu. Como chegamos ao fim de nossa jornada de quarenta dias, você agora sabe o propósito de Deus para sua vida, e será abençoado se o puser em prática. Isso provavelmente quer dizer que você deverá parar de fazer outras coisas. Existem muitas coisas boas que você pode fazer com sua vida, mas os propósitos de Deus são os quatro fundamentos que você precisa fazer. Infelizmente, é fácil se distrair e esquecer o que é mais importante. É fácil se desviar do que realmente importa e lentamente abandonar o curso. Para evitar que isso aconteça, você deve fazer uma declaração dos propósitos de sua vida e examiná-la regularmente.

O que é uma Declaração dos Propósitos para sua vida?

É uma declaração que resume os propósitos de Deus para sua vida

Você afirma com suas próprias palavras seu compromisso com os cinco propósitos de Deus para sua vida. Uma declaração de propósitos não é uma lista de objetivos. Os objetivos são temporários; os propósitos são eternos. A Bíblia diz: Mas o que o SENHOR planeja dura para sempre, as suas decisões permanecem eternamente. (Salmos 33.11; NTLH)
Continuar lendo

Presente Diário: CONSCIÊNCIA

ઇઉ Presente Diário: CONSCIÊNCIA

✏ Leitura Bíblica: Tito 1.10-16
“Porque há muitos desordenados, faladores, vãos e enganadores, principalmente os da circuncisão, aos quais convém tapar a boca; homens que transtornam casas inteiras ensinando o que não convém, por torpe ganância. Um deles, seu próprio profeta, disse: Os cretenses são sempre mentirosos, bestas ruins, ventres preguiçosos. Este testemunho é verdadeiro. Portanto, repreende-os severamente, para que sejam sãos na fé. Não dando ouvidos às fábulas judaicas, nem aos mandamentos de homens que se desviam da verdade. Todas as coisas são puras para os puros, mas nada é puro para os contaminados e infiéis; antes o seu entendimento e consciência estão contaminados. Confessam que conhecem a Deus, mas negam-no com as obras, sendo abomináveis, e desobedientes, e reprovados para toda a boa obra.”

SONY DSC

Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu de forma imaculada a Deus, purificará a nossa consciência de atos que levam à morte, para que sirvamos ao Deus vivo (Hb 9:14)!

No ano de 1984 um avião caiu na Espanha depois de se chocar com uma montanha. No áudio encontrado da caixa preta da aeronave, ficou gravada uma voz eletrônica do alarme do avião que repetia a palavra em inglês: “Levante! Levante!” Depois a voz do piloto dizendo: “Cale a boca, gringo”. O piloto deve ter achado que o aparelho estivesse defeituoso e não acreditou em sua sugestão. Li esta história num livro em que o autor chamava a nossa consciência de “sistema de alarme da alma”. Achei interessante porque realmente somos alertados pela nossa consciência e pensamentos que ora nos acusam e ora nos defendem. O fato de negarmos a boa consciência pode nos levar à morte. Por isso é fundamental saber lidar com os avisos de perigo que a nossa consciência emite.
A boa consciência pode ser uma grande amiga. Ela conduz nosso coração a tomar decisões mantendo a fé que recebemos. Ela nos guia por uma vida honesta e verdadeira. Devemos cuidar bem dela. É preciso mantê-la pura diante de Deus e dos homens. Podemos fazer isso através de nossa comunhão com Deus.
A consciência também pode ser traiçoeira. Se não for limpa pode se tornar no lugar de um alarme contra o perigo, um sinal verde de incentivo a fazer coisas detestáveis, sem qualquer sentimento de culpa. Isso acontece quando o homem começa a arranjar desculpas para fazer tudo que deseja e não vê pecado em nada que pratica. Sua consciência não o repreende mais, porque fica cauterizada pela prática do pecado.
É preciso observar honestamente o que a nossa consciência tem acusado e também o que ela tem sido falha em nos acusar. Manter a consciência limpa. Sejam nossas as palavras de Jó que disse: “Manterei minha retidão, e nunca a deixarei; enquanto eu viver, a minha consciência não me repreenderá” (Jó 27.6).

ઇઉ Abandonar a consciência é naufragar na fé.

Quatro causas de sofrimento em 1ª Pedro

Captura de tela 2015-12-21 10.20.56

✏ PRIMEIRO, sofremos por causa de várias provações ou testes que Deus permite para refinar nossa fé.

“…que pelo poder de Deus sois guardados, mediante a fé, para a salvação que está preparada para se revelar no último tempo; na qual exultais, ainda que agora por um pouco de tempo, sendo necessário, estejais contristados por várias provações, para que a prova da vossa fé, mais preciosa do que o ouro que perece, embora provado pelo fogo, redunde para louvor, glória e honra na revelação de Jesus Cristo” 1 Pedro 1:5-7

✏ SEGUNDO, sofremos por causa de nossa consciência para com Deus que nos leva a padecer injustamente.

“Porque é coisa agradável, que alguém, por causa da consciência para com Deus, sofra agravos, padecendo injustamente. Porque, que glória será essa, se, pecando, sois esbofeteados e sofreis? Mas se, fazendo o bem, sois afligidos e o sofreis, isso é agradável a Deus.” 1 Pedro 2:19,20

✏ TERCEIRO, sofremos porque trazemos sobre nós o nome de Cristo e somos rejeitados como ele foi rejeitado neste mundo.

“Se pelo nome de Cristo sois vituperados, bem-aventurados sois, porque sobre vós repousa o Espírito da glória e de Deus; quanto a eles, é ele, sim, blasfemado, mas quanto a vós, é glorificado. Que nenhum de vós padeça como homicida, ou ladrão, ou malfeitor, ou como o que se entremete em negócios alheios; Mas, se padece como cristão, não se envergonhe, antes glorifique a Deus nesta parte.” 1 Pedro 4:14-16

✏ QUARTO, sofremos pelo constante ataque de nosso arquinimigo o diabo, que tenta de todas as formas enfraquecer nossa fé e nos levar a negar a Cristo, como fez com o próprio Pedro, autor desta mesma epístola.

“Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar; Ao qual resisti firmes na fé, sabendo que as mesmas aflições se cumprem entre os vossos irmãos no mundo.” 1 Pedro 5:8,9

deus limpara

[Aviso: Estas são causas de sofrimentos de quem tem a Cristo como Salvador e Senhor. Para os demais os sofrimentos nesta vida são meramente resultado do pecado inerente a todo ser humano ou por insistirem em permanecer longe de Deus. Para os que persistirem na incredulidade “resta uma certa expectação horrível de juízo, e ardor de fogo” Hebreus 10:27.]

Por Mario Persona