Eu vi o Senhor…

Recebemos de uma irmã há um tempo um sonho que ela teve e vamos compartilhar agora com vocês, pois cremos ter sido uma experiência maravilhosa.

“Certa noite sonhei que caminhava em uma rua da  minha cidade. Eu, levada por um impulso olhei para cima e totalmente maravilhada contemplei o Senhor Jesus caminhando no céu, como se houvesse um caminho invisível por debaixo de seus pés, mas era somente o ar. Eu não via o seu rosto, porém as suas vestes muito, muito brancas se moviam com o seu andar, e por baixo de suas vestes eu não via os seus pés, mas via sair somente uma luz esplendorosa e com aspecto de relâmpagos. Eu via as suas mãos, e uma delas segurava um lindo cetro de outro, muito comprido, com detalhe de um aro circular e continuo ao longo do seu comprimento, e eu não via suas extremidades, mas sua forma era ímpar. Foi uma visão majestosa! Ele andava na altura que ficam as nuvens, e nada havia no céu azul além de sua imponente presença a caminhar sobre a terra. Eu olhava de novo pra rua e começava a chamar a atenção das pessoas para olharem para cima e ver, dizendo “Jesus está vindo, Ele vai buscar a Igreja”, e ficava na expectativa de ver esse momento acontecer,  mas não se tratava do momento do arrebatamento. Era uma visão gloriosa do Senhor Jesus como Rei sobre a Terra. Foi quando despertei do sonho.”

Então fui orar e pedi ao Senhor que falasse comigo acerca do sonho, pois queria muito compreender melhor o que tinha visto e porque Ele me permitiu ter tal visão tão gloriosa, eu nunca tinha visto nada semelhante em muitos anos servindo a Deus. E quando eu orei e abri a minha bíblia o texto que saiu foi: “Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam;” João 5:39  Aleluia!! Realmente quando passei a buscar conhecer mais a Deus através de sua palavra e com uma sede mais sincera de aprender mais sobre Ele, Ele mostrou a mim um pouco de sua gloria celeste! Jesus é maravilhosíssimo! 

____

ajesusiscoming

Como é maravilhoso ver que Deus deixou um livro tão completo a ponto de mostrar e levar a conhecer a Ele próprio, seu caráter, sua justiça e poder, sua santidade e amor. Precisamos nos voltar com toda humildade a nos dedicarmos a leitura bíblica, e em sincera busca. Jesus quer se revelar a nos como fez a muitos de seus servos na  bíblia, pois somos a geração final. Em breve seu Reino será plenamente estabelecido diante dos homens.  Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente! E em breve Ele vem! Como está nossa vida para encontrarmos com Ele, quando ele visivelmente manifestar sua presença na terra?

Portanto assim te farei, ó Israel, e porque isso te farei, prepara-te, ó Israel, para te encontrares com o teu Deus. Amos 4:12

jesus-oath

Esse sonho que a irmã nos enviou me lembrou a visão de João na ilha de Patmos:

E vi outro anjo forte que descia do céu, vestido de uma nuvem; por cima da sua cabeça estava o arco-íris; o seu rosto era como o sol, e os seus pés como colunas de fogo, e tinha na mão um livrinho aberto. Pôs o seu pé direito sobre o mar, e o esquerdo sobre a terra, e clamou com grande voz, assim como ruge o leão; e quando clamou, os sete trovões fizeram soar as suas vozes. Quando os sete trovões acabaram de soar eu já ia escrever, mas ouvi uma voz do céu, que dizia: Sela o que os sete trovões falaram, e não o escrevas. O anjo que vi em pé sobre o mar e sobre a terra levantou a mão direita ao céu, e jurou por aquele que vive pelos séculos dos séculos, o qual criou o céu e o que nele há, e a terra e o que nela há, e o mar e o que nele há, que não haveria mais demora,mas que nos dias da voz do sétimo anjo, quando este estivesse para tocar a trombeta, se cumpriria o mistério de Deus, como anunciou aos seus servos, os profetas. Apocalipse 10:1-7

Ter experiências assim com Deus nos motivam a busca-lo mais intensamente.

Que tenhamos muitas mais, através do Espírito Santo que habita em nós, pois temos sede de conhecer mais ao nosso Deus! Busquemos sua presença desejando ser cheios dele em toda a sua plenitude. Shalom!

Presente Diário: EM BREVE!

ઇઉ Presente Diário: EM BREVE!

✏ Leitura Bíblica: Apocalipse 22:7-21

site220316

…Certamente, venho sem demora… —Apocalipse 22:20

Frequentemente, as palavras “EM BREVE!” precedem os eventos futuros nas diversões, nos esportes, ou no lançamento da mais nova tecnologia. O objetivo é criar expectativa e entusiasmo pelo que irá acontecer, ainda que isso só ocorra meses depois.

Ao ler o livro de Apocalipse, fiquei impressionado com o senso de iminência, do tipo “em breve”, que permeia o livro inteiro. Em vez de dizer “Algum dia, no futuro muito distante, Jesus Cristo retornará à terra”, o texto é repleto de frases como “…coisas que em breve devem acontecer…” (1:1) e “…o tempo está próximo” (v.3). No capítulo final, o Senhor diz três vezes: “…venho sem demora…” (Apocalipse 22:7,12,20). Outras versões traduzem essa frase como “venho em breve”, “cedo venho” e “venho logo!”

Como pode ser isso, se dois mil anos se passaram desde que essas palavras foram escritas? “Rapidamente” não parece adequado à nossa experiência de tempo.

Em vez de focar em uma data para o Seu retorno, o Senhor nos incita a fixarmos nossos corações em Sua promessa que será cumprida. Somos chamados a viver para Ele no tempo presente “…aguardando a bendita esperança e a manifestação da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus” (Tito 2:13).

Viva como se Cristo fosse voltar hoje.

Uma vida com propósitos: Dia 8

Dia 8 – PLANEJADO PARA AGRADAR A DEUS

✍ “Tu, Senhor e Deus nosso, és digno de receber a glória, a honra e o poder, porque criaste todas as coisas, e por tua vontade elas existem e foram criadas” Apocalipse 4:11

✍ O Senhor está contente com seu povo” Salmos 149:4

Captura de tela 2016-02-17 14.28.32.png

Você foi planejado para agradar a Deus.

No instante em que você nasceu neste mundo, Deus estava lá como testemunha invisível, sorrindo ao assistir seu nascimento. Ele quis que você vivesse, e sua chegada lhe deu enorme prazer.

Dar satisfação a Deus, vivendo para seu prazer, é o primeiro propósito de sua vida. Quando você tiver compreendido plenamente essa verdade, jamais voltará a se sentir insignificante, pois isso prova o valor que você tem. Se você é tão importante para Deus, e ele o considera valioso o suficiente para mantê-lo consigo por toda a eternidade, que maior relevância você poderia alcançar? Você é um filho de Deus e proporciona prazer ao coração dele como nada mais que ele já tenha criado. A Bíblia diz: nos predestinou para ele, para a adoção de filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de sua vontade. Ou seja, Deus te escolheu (predestinou) para Ele, por meio de Cristo segundo a aprovação (beneplácito) de Sua vontade.

Ele o dotou com cinco sentidos e emoções, para que você pudesse experimentá-lo. Ele deseja que você aprecie a vida, não se limitando a apenas suportá-la. O motivo pelo qual você pode sentir prazer é que Deus o fez à sua imagem.

Dar prazer a Deus é que se chama de “ADORAR”

A Bíblia nos diz: Mas vem a hora e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para seus adoradores. Jo 4:23

Qualquer atitude sua que venha agradar a Deus é um ato de adoração. Mas nesta parte estudaremos os aspectos principais da adoração.

Os antropólogos perceberam que a adoração é um impulso universal, posto por Deus na estrutura de nosso ser — uma necessidade intrínseca (no interior) de nos ligarmos a Deus. Adorar é tão natural quanto comer e respirar. Quando não conseguimos adorar a Deus, sempre achamos um substituto, ainda que no fim sejamos nós mesmos. A razão pela qual Deus nos fez com esse desejo é que ele anseia por adoradores! Jesus disse: São estes os adoradores que o Pai procura.

Você talvez imagine cultos na igreja em que haja cânticos, orações e se escute uma pregação. Ou talvez ainda imagine curas, milagres e experiências arrebatadoras. A adoração pode incluir esses elementos, mas vai muito além dessas manifestações. Adorar é um estilo de vida.

Adoração é muito mais do que música.

Para muitas pessoas, adorar é apenas sinônimo de música. Elas dizem: “Em nossa igreja temos primeiro a adoração e depois o ensinamento”. Esse é um grande mal-entendido. Todos os momentos do culto em uma igreja são um ato de adoração: a oração, a leitura da Bíblia, os cânticos, a declaração de fé, o silêncio, manter-se quieto, ouvir uma pregação, tomar notas, ofertar, assinar um cartão de compromisso e até mesmo saudar outros adoradores.

De modo ainda mais grave, o termo “adoração” é muitas vezes utilizado erroneamente em alusão a um estilo musical específico: “Primeiro cantamos um hino, depois uma canção de louvor e adoração”. Ou: “Gosto das canções de louvor mais rápidas, mas prefiro as canções de adoração mais lentas”. De acordo com essa convenção, se uma canção for rápida, alta ou usar metais, é considerada “louvor”. Mas, se for lenta, tranqüila e intimista, talvez acompanhada por um violão, é “adoração”. Esse é um uso inadequado e bastante comum da palavra “adoração”

Adoração não tem relação com o estilo, volume ou andamento da música. Deus ama todos os tipos de música porque ele inventou todas — rápidas e lentas, altas e suaves, antigas e modernas. É provável que você não goste de todas, mas Deus gosta! Se ela é oferecida a Deus em espírito e em verdade, então é um ato de adoração.

Não existe nada como música “cristã”; existe apenas letra cristã. É a letra que torna uma canção sagrada, e não a melodia. Não existem melodias espirituais. Se eu tocasse para você uma música sem a letra, não haveria como saber se é uma canção “cristã”.

A adoração não é para nosso benefício.

Como pastor, recebo bilhetes dizendo: “Eu amei a adoração de hoje. Foi muito bom para mim”. Esse é outro mal-entendido a respeito da adoração. Ela não é para nosso benefício. Quando adoramos, nosso objetivo é agradar a Deus, não a nós mesmos.

Se você alguma vez já disse “Não aproveitei em nada a adoração (música) de hoje”, você adorou pelos motivos errados. A adoração não é para você, é para Deus. Logicamente, a maioria dos cultos de adoração também tem elementos de comunhão entre os irmãos, edificação e evangelização; e existem benefícios na adoração, mas nós não adoramos para nossa satisfação. Nossa motivação é glorificar e agradar ao nosso Criador.

A adoração não é parte de sua vida; ela é a sua vida.

Não o adore somente nos cultos na igreja, pois nos foi dito: Buscai o SENHOR e o seu poder; buscai perpetuamente a sua presença. Salmos 105:4 – Do nascimento do sol até ao ocaso, louvado seja o nome do SENHOR. Salmos 113:3 – Na Bíblia, as pessoas louvavam a Deus no trabalho, em casa, na batalha, na prisão e até mesmo na cama! Louvar deveria ser sua primeira atividade, assim que abrisse os olhos pela manhã, e sua última atividade, ao fechá-los à noite.

Cada atividade pode ser transformada em ato de adoração, quando você a faz para louvar, glorificar e agradar a Deus. A Bíblia diz: Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus. 1Co 10:31

Como é possível fazer tudo para a glória de Deus?

Ao fazer tudo como se estivesse fazendo para Jesus e mantendo uma conversa contínua com ele durante sua atividade. A Bíblia diz: Tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como para o Senhor e não para homens, Colossenses 3:23. Este é o segredo de um estilo de vida em adoração — fazer todas as coisas como se fosse para Jesus.

Captura de tela 2016-02-17 14.34.32

OITAVO DIA
PENSANDO SOBRE MEU PROPÓSITO  DE VIDA

UM TEMA PARA REFLEXÃO: Fui planejado ara agradar a Deus.

UM VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: “O Senhor está contente com seu povo” Salmos 149:4

UMA PERGUNTA PARA MEDITAR: Que tarefa simples eu poderia começar a fazer como se fosse diretamente para Jesus?

Uma vida com propósitos: Dia 7

Dia 7 –   A RAZÃO DE TUDO

✍ “Todas as coisas vêm única e exclusivamente de Deus. Tudo vive por seu poder, e tudo é para sua glória. A Ele seja a glória para todo o sempre” Romanos 11.36

✍ “O SENHOR criou todas as coisas para os seus propósitos” Provérbios 16.4

Captura de tela 2016-02-16 18.40.57

Tudo é para ele.
O objetivo fundamental do Universo é demonstrar a glória de Deus.
Essa é a razão pelo qual tudo existe, incluindo você. Deus criou todas as coisas para a glória dele. E o que é a glória de Deus? Basta olhar ao redor. Tudo que foi criado por Deus reflete sua glória, de alguma forma.
A glória de Deus pode ser mais bem observada em Jesus Cristo. Ele, a Luz do mundo, revela a natureza de Deus. Graças a Jesus, já não somos ignorantes a respeito de quem Deus realmente é. A Bíblia diz: “O Filho é o resplendor da glória de Deus”. Jesus veio a este mundo para que pudéssemos entender completamente a glória de Deus. “Aquele que é a Palavra se fez carne e habitou entre nós. Nós vimos sua Vimos a sua glória […] cheio de graça e de verdade”. {Salmos 19:1, NVI} Devemos reconhecer sua glória, honrar sua glória, declarar sua glória, louvar sua glória, refletir sua glória e viver por sua glória. Por quê? Porque Deus merece! Nós lhe devemos toda a honra que pudermos dar. Uma vez que Deus fez todas as coisas, ele merece toda a glória. Como posso dar glória a Deus? Existem muitas formas de dar glória a Deus, mas elas podem ser resumidas nos cinco propósitos que ele estabeleceu para sua vida.
Damos glória a Deus ao adorá-lo. Adorar é o nosso primeiro dever para com Deus, e nós o adoramos ao apreciá-lo. Adorar é muito mais que louvar, cantar e orar a Deus. É um estilo de vida que compreende  apreciar a Deus, amá-lo e nos doar para sermos usados em seus propósitos. Quando você usa sua vida para a glória de Deus, tudo que faz pode se tornar um ato de adoração. A Bíblia diz: ” Usem o seu corpo inteiro como instrumento para fazer o que é justo, para a glória de Deus “.

Continuar lendo

Presente Diário: NOME DADO POR DEUS

ઇઉ Presente Diário: NOME DADO POR DEUS

✏ Leitura Bíblica (Filipenses 2.9-11)

Captura de tela 2016-02-11 19.08.19.pngPelo que também Deus o exaltou soberanamente e lhe deu um nome que é sobre todo o nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai. (Filipenses 2.9-11)

Isso foi feito quando Cristo subiu às alturas, e Deus O assentou à Sua destra, muito acima de todo principado, potestade, soberania e domínio. Outra tradução de Filipenses 2.10 diz: Para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, de seres no céu, seres na terra e seres debaixo da terra (O texto refere-se a anjos, homens e demônios, respectivamente). Por que este Nome foi outorgado a Jesus? Por que este Nome foi revestido de tanta autoridade e domínio? Foi feito assim visando o benefício de Jesus? Não. Durante quase dois mil anos que se seguiram depois da ressurreição de Jesus, da Sua ascensão e de quando Se assentou à direita do Pai, o próprio Jesus não usou esse Nome nenhuma vez. Na realidade, as Escrituras não oferecem o mínimo indício de que Jesus chegou a fazer um único uso deste Nome! Jesus não precisa usá-lo; Ele domina a criação pela Sua Palavra. Por outro lado, as Escrituras revelam que o Nome de Jesus foi dado para ser usado pela Igreja, o Corpo de Cristo!

ઇઉ Como cristão e membro do Corpo de Cristo, tenho o direito de usar o Nome de Jesus – o Nome que está acima de todo nome!