Jogador Neto sonhou com queda de avião da Chapecoense antes do voo, segundo equipe médica

Os médicos informaram ao zagueiro e ficaram assustados com o depoimento do sobrevivente. Neto chegou a falar com a esposa que não queria voar.

netoZagueiro Neto é um dos sobreviventes da tragédia que vitimou 71 pessoas após queda do avião que levava a Chapecoense Foto: Cleberson Silva / Chapecoense
Foto: Divulgação

Os médicos que continuam cuidando da recuperação do zagueiro Neto, um dos sobreviventes do trágico acidente aéreo que vitimou quase todo o elenco da Chapecoense no último dia 29 de novembro, além de tripulantes e jornalistas, fizeram uma revelação dramática na noite da última segunda-feira (12): o jogador sonhou com a queda da aeronave antes do voo.

Carlos Mendonça, um dos integrantes da equipe médica responsável pelo zagueiro, informou que Neto já tomou ciência da tragédia que matou muitos de seus colegas de equipe e que teve um pressentimento sobre o acidente antes dele acontecer. “Ele teve um sonho no dia anterior da viagem. Ele sonhou que a aeronave estava caindo. Uma coisa bem dramática. Ele falou com a esposa, inclusive, que não queria voar. Isso ficou muito marcado para ele. Foi uma coisa bem chocante. Ele teve o pesadelo e falava a todo momento que era um aviso”. Continuar lendo

PORQUE DEVEMOS TEMER A DEUS

20151112_juizO temor à D’us, do hebraico Yirat Adonai (פחדתי אדונים) é o princípio da sabedoria (Provérbios 9:10). Não há como obtermos a sabedoria verdadeira, e nem chegarmos ao conhecimento de nossa natureza e nem tão pouco da natureza do Eterno apenas por meio de estudos, se nós excluirmos o temor que é devido a Ele. Por isso aqueles que conhecem a D’us apenas pelo atributo do amor (ainda que Ele seja amor de uma forma que ultrapassa o entendimento da mente humana) não O pode conhecer de maneira mais profunda. Nem tão pouco aqueles que procuram dimensioná-Lo por mera filosofia ou teologia.

Nenhum estudo ou grau de conhecimento que podemos obter em qualquer assunto da nossa vida passageira é válido se no decorrer dos nossos anos não aprendermos a temer à santidade de um D’us Todo Poderoso.

Por isso Salomão, o homem mais sábio que pisou na face da terra escreveu em Eclesiastes: “E, demais disto, filho meu, atenta: não há limite para fazer livros, e o muito estudar é enfado da carne. De tudo o que se tem ouvido, a suma é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem. Porque Deus há de trazer a juízo toda a obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau.” Eclesiastes 12:12-14

A palavra Yirat (temor) tem um alcance muito mais elevado nas Escrituras Sagradas, às vezes refere-se ao medo que nos sentimos em antecipação de algum perigo ou de sofrimento, mas também pode indicar admiração ou reverência. Nesse último sentido, a palavra Yirat inclui a idéia de maravilha, espanto, mistério, admiração, gratidão, e até mesmo adoração (igual a um sentimento que começa quando nós admiramos algo maravilhoso), tal qual Davi expressou: “Eu te louvarei, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem” (Salmos 139:14). Continuar lendo

Presente Diário: O SEGREDO

ઇઉ Presente Diário: O SEGREDO

✏ Leitura Bíblica: Provérbios 9.10-18

“O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo a prudência porque por meu intermédio se multiplicam os teus dias, e anos de vida se te aumentarão. Se fores sábio, para ti serás sábio; e, se fores escarnecedor, só tu o suportarás. A mulher louca é alvoroçadora; é simples e nada sabe. Assenta-se à porta da sua casa numa cadeira, nas alturas da cidade, e põe-se a chamar aos que vão pelo caminho, e que passam reto pelas veredas, dizendo: Quem é simples, volte-se para cá. E aos faltos de entendimento ela diz: As águas roubadas são doces, e o pão tomado às escondidas é agradável. Mas não sabem que ali estão os mortos; os seus convidados estão nas profundezas do inferno.”

ogaaagyf0euitwptvbweh7optw_bzzzj7s-aem6alxkhelxa5mg5cmu-yskz-fasg3k-qj_yu7uajhkdmv1vhw2efrgam1t1uchmuhepskxw5vqu2vt2-3klqatn

Não há nada escondido que não venha a ser revelado, nem oculto que não venha a se tornar conhecido (Mt 10. 26).

Você tem algum segredo? Algo que ninguém sabe e se fosse revelado seria motivo de grande vergonha e humilhação? Realmente, todos nós temos aspetos pessoais da vida que não são revelados para todo mundo. Algumas coisas somente as pessoas mais próximas de nós conhecem e até mesmo outras coisas somente nós e Deus sabemos. O simples fato de guardar algum segredo não é pecado. O que não podemos é aproveitar esta possibilidade de fazer as coisas “escondidas” e achar que estamos livres para praticar o que não é correto, já quem ninguém está vendo.
Temos que tomar cuidado com esta aparente liberdade, pois é nesta hora que realmente provamos quem nós somos. Ser bonzinho, fiel, honesto, santinho enquanto todos estão nos vendo é até fácil. Agora é preciso também manter esta fidelidade, quando no trabalho o chefe não está por perto, quando em viagens a tentação ataca, quando na escola a cola chega até nós.
Qualquer coisa proibida, escondida parece ser mais saborosa. O homem com sua natureza pecaminosa tem a tendência a transgredir a lei. O fato de algo ser roubado desperta o interesse e a ilusão de estar em vantagem e que não haverá maiores problemas. Mas quanto mais permanecemos escondidos em nossos segredos, mais aproximamos do mau caminho e da queda de ser desmascarado.
É tolo quem pensa assim, pois Deus, a quem mais devemos respeitar, sempre está nos vendo. Não há lugar que Deus não esteja, não há pensamento que ele não conheça.
É preciso abandonar a falsidade e falar a verdade com as pessoas que convivemos. Elas merecem nosso respeito e devem ter motivo para confiar em nós, não sendo enganadas.
Não confie na mentira, não ponha sua confiança na falsidade, nem se entregue à desonestidade. Sábio é quem teme a Deus e vive no caminho da verdade, lembrando que no dia do juízo, tudo será trazido a luz, toda hipocrisia será desmascarada.

ઇઉ Tenha como esconderijo um coração sincero.