O QUE É PECADO?

pecado

“Quem pode discernir os próprios erros? Purifica-me tu dos que me são ocultos” Salmos 19:12

“De que se queixa, pois, o homem vivente? Queixe-se cada um dos seus pecados. Esquadrinhemos os nossos caminhos, e provemo-los, e voltemos para Adonai” Lamentações 3:39-40

O termo pecado no novo testamento está relacionado com a palavra grega “Hamartía” (άμαρτία) e significa “errar o alvo” ou ainda, “erro trágico causador da queda”. No hebraico e no antigo testamento está relacionado com a palavra Ãwon (אָוֶן) e significa iniquidade. Ou seja, essa atribuição é dada a pessoa que vive sem lei, contrário à equidade, contrário ao padrão de moral (de D’us), que possui um caráter daquele que se torna transgressor (infrator) da Lei de D’us. Quando Adão e Eva transgridem o mandamento de YHWH de não comer da árvore do conhecimento do bem e do mal, ele automaticamente colocou todos os seus descendentes em um caminho de morte e inferno, contrário ao caminho da vida eterna. Desde então todos os descendentes de Adão seguem o caminho da morte eterna e inferno, a menos que haja uma genuína “conversão de caminho”. Continuar lendo

Porque é matematicamente improvável que qualquer outra pessoa, além de JESUS, possa ser o Messias?

14035003_271018839949742_1549225369655785879_n

Há pelo menos 456 referências proféticas no Antigo Testamento sobre uma pessoa que pudesse ser o Messias, e todas estas profecias foram cumpridas na vida de Yeshua (JESUS). O Professor Dr. Peter Stoner, professor emérito de ciência Westmont College e Pasadena City College, estima uma probabilidade razoável de que um homem possa ter cumprido apenas oito destas 456 profecias em sua vida seria uma chance em 10 elevado à potência 28!!! (uma chance em 10,000,000,000,000,000,000,000,000,000).
Em outro cálculo, Stoner utilizou 48 profecias e chegou à estimativa extremamente estonteante de que a probabilidade de 48 profecias serem realizadas em uma pessoa é o número incrível de 10 elevado à potência de 157!! (dez seguido de 157 zeros!!)
Este trabalho se tornou amplamente conhecido quando foi mencionado por Josh McDowell em seu “A prova de que Exige um Veredito”.
Grande parte dos dados de Stoner parecem ser tomados de George T. B. Davis, Profecias Cumpridas que provam a Bíblia (1931). Mas se, apenas considerássemos 8 profecias (dentre as 456 profecias que Yeshua cumpriu), teríamos o seguinte:

As profecias que ele considerou foram:

1. Yeshua nasceu em Belém ( Mq 5:2 e Mt 2:6);
2. Ter sua vinda precedida por um mensageiro (Is 40:3 e Mt3:3);
3. Entraria em Jerusalém montado em jumentinho ( Zc9:9 e Mt 21:5);
4. Ter sido traído por amigo e discípulo ( Sl 41:9 e Mt 10:4)
5. Ele seria traído pelo preço de 30 moedas de prata ( Zc 11:12 e Mt 26:15);
6. O dinheiro seria atirado na casa de D’us ( Zc11:13b e Mt 27:5a);
7. Ter ficado mudo frente aos seus acusadores ( Is 53:7 e Mt 27:12);
8. Teria seus pés e mãos transpassados ( Sl 22:16 e Lc 23:33)

Observem que Stoner tomou as mais diferenciadas do que outras como, ser descendente de Abraão, Isaque, Jacó; ser descendente da tribo de Judá; ter as suas vestes sorteadas; operaria milagres, etc.

Assim, Stoner relata em seu estudo das probabilidades que a chance de uma única pessoa ter cumprido em si mesmo as oito profecias mencionadas acima é de 1 em cada 10^28, isto é, 1 em 10 elevado à vigésima oitava potência. Isto seria 1 pessoa entre 10,000,000,000,000,000,000,000,000,000. Para poder compreender este resultado, Stoner citou o exemplo de se cobrir o Estado do Texas com moedas de um quarto de dólar (cerca de 100 quatrilhões de moedas, ou 10 elevado à 17 potência, o que é um numero cerca de 10 bilhões de vezes menor do que a probabilidade de apenas 8 profecias se cumprirem na mesma pessoa) imaginando alguém tomando uma moeda de um quarto de dólar (vinte e cinco centavos) na qual se pintaria uma marca vermelha. Depois espalharia no Estado do Texas 100 quatrilhões de moedas idênticas o que daria para cobrir toda a área do estado até uma altura de 60 cm, mais ou menos. Então, convidamos alguém com os olhos vendados e diríamos a esta pessoa: – agora procure a moeda marcada de vermelho e traga-a de volta. Qual seria a probabilidade dessa pessoa encontrar esta moeda? Seria a mesma chance que os profetas teriam de escrever essas oito profecias e ter todas elas cumpridas em um mesmo homem, desde os seus dias, até o tempo presente. Agora, imaginem que Stoner tomasse as 456 profecias mencionadas na Bíblia sobre o messias, como o messias seria cortado antes do ano 70, seria criado na cidade de Nazaré, seria descendente do tronco de Jessé, etc., etc. ? Se colocássemos todas estas 456 profecias que Yeshua cumpriu em sua vida nesse mesmo cálculo de probabilidade. esta probabilidade de qualquer outra pessoa além de Yeshua ter cumprido cada uma delas seria tão ínfima, mas tão ínfima, que está fora do alcance de uma mente humana conceber, e portanto pode ser considerada inexistente!! E o fato de Yeshua ter cumprido cada uma delas, faz dele e somente ele ser o único candidato a messias a ter satisfatoriamente cumprido todas elas.

Analisando a profecia continua no livro de Daniel 9:26 que diz que a cidade e ao santuário seriam destruídos pelo príncipe que viria depois de morto o ungido, o Messias de Israel.

Isto, sabemos, ocorreu no ano 70d.C. quando o Templo foi destruído pelo imperador Tito e seus legionários. Lembremos que a genealogia era de suma importância para o povo judeu e por isso, esta genealogia era guardada no Templo, segundo afirma Stan Telchin (48).Com a destruição do Templo, também se queimaram as genealogias, não permitindo a alguém provar que qualquer homem que se proclamasse o Messias pertenceria à Casa de Israel. E esta seria a prova real necessária para a sua aceitação como o Messias. Pois pelas Escrituras sabemos que o Messias deveria ser da semente de Abraão, Isaque e Jacó, ser da tribo de Judá, da família de Jessé e da Casa de Davi. Então, se ninguém podia provar a sua origem, nenhum Messias poderia ser provado mais. Este raciocínio deixa todos os que duvidam de Yeshua numa situação incômoda: ou as profecias sobre o Messias são incorretas e por conseguinte falsas; e o conceito de um Messias na vida do judeu não é nada mais do que um mito; e a Bíblia é nada mais do que um livro de estória do povo judeu, cheio de lendas; ou, então, o Messias veio antes do Templo ser destruído! Segundo eles, o Mashiach ben Yosef deveria vir e segundo os rabinos, todas as datas apontadas para sua vinda já passaram. Estes especialistas dizem que essa data seria cerca de uma geração antes da destruição do Templo, segundo a profecia de Daniel 9. Pelos cálculos dos rabinos, a primeira vinda está muito atrasada, conforme descrito primeiro pelo profeta Daniel 9:25-27; de acordo com Daniel Suas primeira aparição virá a ser realizada antes do Beit (Templo) ser destruído! O que colocaria Yeshua exatamente na data correta!!

E é por isso que os sábios escreveram:
“Todos os tempos designados para a Redenção já passaram” (Sanhedrin 97b). Rav Shila diz:
“…Tudo que precisamos é fazer teshuvá (arrependimento) para quando Mashiach vier, pois todas as datas predestinadas para a redenção já passaram”. (Sanhedrin 97b).

Como diz o tratado de Sanhedrin 97a:
“Convém que o mundo existia por seis mil anos. Nos primeiros dois mil houve desolação; mais dois mil anos, a Torá floresceu e os próximos dois mil anos é a era messiânica,”

Ou seja, mesmo sem compreender plenamente e sem enxergar Yeshua, eles apontam que a vinda do Mashiach já deveria ter acontecido há precisos 2.000 anos atrás!! Exatamente quando o Mashiach Yeshua veio!
O mesmo aconteceu com o Golden Gate, o portão Dourado por onde as profecias diziam que o Messias entraria montado num jumento, e que foi selada com um muro depois da vida de Yeshua, não permitindo que mais nenhum candidato a messias passe por ali.

Por isso, há tanto enganos entre aqueles que não crêem em Yeshua ao longo da história. Há pouco anos atrás os judeus ortodoxos de Nova Yorque e de outras localidades fora dos EUA declararam ser o rabino Menachem M. Schneerson, o Lubavitz, ser o Messias. Isto nos prova que após longos anos de Yeshiva (Escola Judaica onde se estuda o Talmude e prepara rabinos) ainda não perceberam que o Messias precisa ser descendente da tribo de Judá, da família de David, ter nascido em Belém, ter sido criado em Nazaré e muito e muito mais…. e nenhuma destas profecias foi cumprida pelo candidato deles a Messias. Isso não tira o mérito do Rebe de Lubavich ser um dos grandes sábios da atualidade, mas para que ele fosse o Messias, ele também precisaria cumprir satisfatoriamente todas as 456 profecias messiânicas da Tanach…

A título de ilustração vale a pena selecionar mais algumas profecias do Antigo Testamento ( além das oito selecionadas acima) e compara-las com seu cumprimento através do Novo Testamento.

1. PROFECIA: Filho de D’us:
“Proclamarei o decreto do Senhor: Ele me disse: Tu és meu filho, eu hoje te gerei” ( Sl 2:7; veja também Crônicas 17:11-14 e II Samuel 7:12-16

CUMPRIMENTO: “E eis uma voz dos céus, que dizia: este é meu filho amado em quem me comprazo.”( Mateus 3:17)

2. PROFECIA: Semente de Abraão
“Nela serão benditas todas as nações da terra: porquanto obedeceste à minha voz.”( Gênesis 22:18)

CUMPRIMENTO: “Livro da genealogia de Yeshua Hamashiach, filho de Davi, filho de Abraão.”( Mateus 1:1)

3. PROFECIA: Filho de Isaque e Jacó
“Disse D’us a Abraão:…porque por Isaque será chamada a tua descendência”…uma estrela procederá de Jacó, de Israel subirá um cetro que ferirá as têmporas de Moabe…”( Gênesis 21:12 e Números24:17)

CUMPRIMENTO: “Yeshua filho de Isaque…Jesus filho de Jacó…( Lucas 3:23 e 34)

4. PROFECIA: Da tribo de Judá
“O cetro não se arredará de Judá…até que venha Shilo, e a ele obedecerão os povos…”( Gênesis 49:10);

CUMPRIMENTO: “Yeshua…filho de Judá.( Lucas3:23 e 33)

5. PROFECIA: Da linha genealógica de Jessé
“do tronco de Jessé sairá um rebento, e das suas raízes um renovo.”( Isaías 11:1)

CUMPRIMENTO: “Yeshua… filho de Jessé” ( Lucas 3:23 e 32)

6. PROFECIA: Ele operará milagres
“Então se abrirão os olhos dos cegos, e se desimpedirão os ouvidos dos surdos; os coxos saltarão como cervos, e a língua dos mudos cantará…”( Isaías 35:5 e 6a)

CUMPRIMENTO: “e percorria Yeshua todas as cidades e povoados ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino e curando toda a sorte de doenças e enfermidades.”( Mateus 9:35)

7. PROFECIA: Ele seria ferido, moído, cuspido e escarnecido
Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões, e moído…e me cuspiam… ( Isaías 53:5 e 50:6)

CUMPRIMENTO: …”Pilatos lhes soltou Barrabás; e após haver açoitado a Yeshua…então, lhes cuspiram no rostos…( Mateus 27:26 e 26:67)

8. PROFECIA: Ele seria odiado por seu próprio povo
…”Era desprezado, e o mais rejeitado entre os homens… e dele nós (judeus) não fizemos caso dele…”( Isaías 53:3)

CUMPRIMENTO: “Pois nem mesmo os seus irmãos criam nele”…( João 7:5 e 48)

9. PROFECIA: dividiram suas vestes e lançaram sorte sobre elas
“Repartem entre si as minhas vestes, e sobre a minha túnica deitam sortes.”( salmos 22:18)

CUMPRIMENTO: “Os soldados, pois quando crucificaram a Yeshua, tomaram-lhe as vestes… não a rasguemos, mas lancemos sorte sobre ela… ( João 19:23-24)

10. PROFECIA: Seus ossos não foram quebrados
“Preserva-lhe todos os ossos, nem um deles sequer será quebrado.”( salmos 34:20)

CUMPRIMENTO: “Chegando-se porém Yeshua, como vissem que já estava morto,não lhe quebraram as pernas.”( João 19:33)

11. PROFECIA: Seu lado foi perfurado
”…olharão para mim por causa daquele a quem eles traspassaram…”( Zacarias 12;10)

CUMPRIMENTO: ..”mas um dos soldados lhe abriu o lado com uma lança…”( João 19:34)

12. Foi sepultado no túmulo de um homem rico
“Designaram-lhe a sepultura com os perversos, mas com o rico este na sua morte…”( Isaías 53:9)

CUMPRIMENTO: ”…veio um homem rico de Arimatéia, chamado José… e lhe pediu o corpo de Yeshua, envolveu-o num pano limpo de linho, e o depositou no seu túmulo novo…”( Mateus 27:57)

É importante ressaltar que existem ao todo mais de 456 profecias na Bíblia que referem ao Messias, incluindo também as messiânicas futuras, ou sejas, aquelas que ainda não se cumpriram e só se cumprirão por à medida que se aproxima da volta de Yeshua.

Rabino recebe aviso de Deus: a guerra é iminente

Seja forte e corajoso! Nem medo, nem te espantes deles, pois é o Senhor, vosso Deus, que vai com você. Ele não te deixará, nem te desampararei “. (Deuteronômio 31: 6)

gil-nachman-rabbi-amram-vakninPor três horas e meia passado sábado à noite, o rabino Amram Vaknin, um 76 anos místico israelense, caiu no chão como ele recebeu um aviso do outro mundo.

A partir de cerca de 9:00 até 0:30, em sua modesta casa na cidade portuária de Ashdod, Rabi Vaknin foi advertido de que a guerra está chegando a Israel em breve, estudante do rabino revelado a Quebrando Israel Notícias.

A revelação mais recente do Céu foi entregue ao rabino de um pequeno grupo, incluindo o profeta Elias e seu próprio rabino falecido, rabino Moshe Zrihan, juntamente com o pai e avó do rabino Vaknin.

Como relatado anteriormente por Breaking News, o rabino Vaknin recebe mensagens periódicas a partir do próximo Mundial, alertando sobre os eventos em Israel. Gil Nachman, um estudante perto do rabino de Vaknin disse : “Orem para que ele não vai ser hoje, amanhã ou daqui a duas semanas.”

Nachman contou os detalhes que o rabino Vaknin recebidos na mensagem. “Os muçulmanos vão contaminar a água, os frutos e vegetables. Eles vão danificar a eletricidade”, disse ele. “E lá vão ser pessoas morrendo nas ruas, milhares de pessoas de todo Israel.”

Nachman pediu que a empresa de água israelense, a companhia elétrica e importadores de alimentos devem estar preparados para esses ataques.

De acordo com Nachman, o rabino Vaknin foi dito que cidadão árabe de Israel e membro do Knesset Hanin Zoabi é a planejá-lo. Vaknin declarou sua crença de que Zoabi é um espião para ISIS e Hamas e está fornecendo os grupos terroristas todas as informações de que necessitam para planejar os ataques.

Por que isto está acontecendo? De acordo com Nachman, é porque os líderes da geração “não querem fazer teshuva (arrepender-se). Eles não estão acordando. Hashem (Deus) quer levá-los no caminho certo. Todos nós precisamos fazer teshuva “.

Há mensagens de Deus oculto na Bíblia?

Nachman disse que, no passado, os líderes judeus como Moisés e Davi sabia sobre decretos contra o povo judeu antes que eles aconteceram. Esses grandes líderes se encarregaram de se arrepender primeiro, mas os líderes de hoje estão contando aos outros a se arrependerem sem fazê-lo eles mesmos.

“Nossa arma não é Tzahal (IDF), não Netanyahu, ninguém. Apenas teshuva “, disse Nachman urgentemente.

Quando perguntado o que o rabino Vaknin disse que as pessoas devem se concentrar em seu arrependimento, Nachman mencionou quatro coisas. Arrependa-se para “os pecados internos que você esconde longe das pessoas e os pecados que as pessoas vêem. E v’eim av kibud (honrando seu pai e mãe) é uma das coisas mais importantes. E sempre dizer a verdade do que está em seu coração. Sê real. É tudo sobre emet (verdade). “

“A guerra está muito próximo. Nós não temos escolha. O teshuva de Am Yisrael (o povo judeu) irá determinar o rachamim (misericórdia). Mas a guerra está definitivamente chegando “, insistiu Nachman. “Rogamos para Yisrael fazer teshuva o mais rapidamente possível, porque não quero ver as pessoas morrendo. Pare de pensar sobre as coisas materiais. Isso não vai dar-lhe vida. Quando Mashiach (Messias) vem, material não vai dizer nada a ninguém. “

“Estamos chegando perto do grande dia de Mashiach. Antes que isso aconteça, Hashem quer que façamos teshuva. Temos de estar prontos e preparados “, implorou Nachman. “Quando fazemos verdadeira teshuva, Hashem vai lutar por nós.”

Nachman concluiu recontando um ensinamento do Talmud, a principal fonte de tradição rabínica do judaísmo. A águia se aproxima de seus eaglets bebê no ninho muito lentamente. Ele garante que eles notá-lo gradualmente, de modo a não chocá-los, porque eles podem morrer de tanto medo. Da mesma forma, Deus não quer nos fazer mal. Ele está nos alertando para acordar, porque Ele está prestes a dominar o mundo, então ele está advertindo-nos pouco a pouco, a fim de que nós reconhecemos Sua abordagem. Cada terremoto, cada incidente terrorista, cada batalha, é um aviso para acordar.

Através de mensagens anteriores do Céu, o rabino Vaknin previu com precisão o “Gaza Flotilha da Liberdade”, em maio de 2010, o fogo mortífero na floresta de Carmel, em Dezembro de 2010, bem como Operação Pilar de Defesa em 2012 e Operação de Proteção de Borda em 2014.

Fonte: Breaking News Israel

Os gays e a profecia do Talmud

 

imageFaz bom tempo que eu não assisto a nada da Rede Globo, por razões óbvias: como eu poderia ter prazer em algo que é abominável aos olhos de YHWH? Se Yeshua nos chamou para abandonarmos o mundo, como poderia viver na imundície?

Prefiro estudar as Escrituras a contaminar-me com aquilo que é mundano, sujo, desprezível e abominável. Não é possível que a luz tenha comunhão com as trevas!

Escrevo estas palavras iniciais para dizer que não vi o famoso “beijo gay” na novela da Globo. Todavia, muitos crentes, fãs e ardorosos espectadores da Globo, viram o beijo, e agora se lamentam escandalizados. Não sei por que tanto reclamam. Afinal, pessoas carnais gostam de coisas carnais! Porém, um fenômeno interessante ocorreu: até mesmo os crentes que assistem cotidianamente à programação bitolada da Globo dizem: “o mundo vai acabar”. A sensação do “fim do mundo” tomou conta do inconsciente coletivo.

Será que um “beijo gay” pode gerar o fim do mundo?

Resposta: sim!

Vejamos o porquê. No dia 5 de maio de 2011, o Supremo Tribunal Federal reconheceu a união estável entre pessoas do mesmo sexo, abrindo as portas para que muitos casais homossexuais procurassem os Cartórios de Registro Civil para converter a união em “casamento gay”.

O beijo entre homossexuais exibido pela Globo é tão somente o ápice da exaltação da política gayzista, outrora chancelada pelo Pretório Excelso. E o que isto tem a ver com o fim do mundo?

Há 1.500 anos, afirmou o Talmud que Elohim adiou executar severo juízo contra os gentios pois eles guardavam pelo menos três mandamentos:

“Disse Rabbi Yehudá: Estes são os trinta homens justos dentre as nações do mundo, em virtude dos quais as nações do mundo continuam a existir.

Ulla disse: Estes são os trinta mandamentos que os filhos de Noach (Noé) tomaram para si, mas eles observam três deles, a saber: (i) eles não elaboram um documento de ketubá (contrato de casamento) de homens; (ii) eles não vendem carne de mortos no mercado e (iii) eles respeitam a Torá” (m. Chulin 92b).

Na passagem acima, assevera o Talmud que YHWH retém o julgamento das nações dos gentios porque eles não permitem o casamento homossexual (“contrato de casamento de homens”), não vendem carne humana nos mercados e têm respeito pela Torá, ainda que não a guardem.

Ora, tendo em vista que atualmente há a possibilidade de casamento gay no Brasil e em diversos países do mundo, então, não existe mais razão para o ETERNO adiar o juízo sobre a humanidade. Ou seja, o fim do mundo realmente está próximo!!!

Que possamos nos lembrar das lições de Yeshua HaMashiach (Jesus o Messias): “Cuidado! Estejam alerta e orem! Pois vocês não sabem quando chegará o tempo.

Será como um homem que fez uma viagem, deixando sua casa, e deu autoridade a seus servos, e a cada homem o seu trabalho. E ordenou ao porteiro que vigiasse. Fiquem atentos, pois vocês não sabem quando o senhor da casa voltará: à noite, ou no meio da noite, ou no canto do galo, ou de manhã, para que, vindo no silêncio, não os encontre enquanto vocês dormem.

Porém, a coisa que eu digo, eu digo o mesmo a todos: Estejam acordados!”.

(Yochanan Marcus 13:33-37, tradução direta do aramaico).

Com a aprovação do casamento homossexual e a divulgação pública do beijo gay em horário nobre, as peças do quebra-cabeça se encaixam: o mundo brevemente chegará ao fim. Enquanto isso, faça a sua parte: Desligue a Globo! Desligue seu ídolo!

“Aquele que testifica isto diz: Verdadeiramente, eu venho logo.

Amen! Vem, YHWH YESHUA” (Guilyana/Apocalipse 22:20)

Fonte: Judaismo Nazareno